Início Mod. individuais Atletismo

Lidl São Silvestre Lisboa: Percurso, recordes e “guerra dos sexos” apresentados na capital

74

Decorreu esta manhã em Lisboa, mais concretamente na Sala de Exposições da Câmara Municipal de Lisboa (CML), a apresentação da 15ª Edição da Lidl São Silvestre de Lisboa, que se irá realizar no próximo dia 17 de Dezembro, a partir das 21h30.

Com partida e chegada na mítica Av. Liberdade, a prova vai contar com a animação dos 12500 atletas inscritos pelas ruas de Lisboa, embora haja uma alteração de última hora devido a um acontecimento inesperado.

Por motivos ainda desconhecidos, um bocado do passeio e da estrada da Rua da Prata ruiu ao final da manhã, curiosamente pouco depois da conferência de imprensa de apresentação da competição.

Com o fecho dessa rua pela Proteção Civil da cidade foi necessário arranjar uma alternativa, que passa pela alteração do percurso, que passará agora pela Rua dos Fanqueiros em vez da Rua da Prata.

Para além desta artéria, os participantes irão passar na Praça dos Restuardores, Praça D. Perdro IV, Rua do Ouro, Rua do Arsenal, Largo do Corpo Santo, Av. Ribeira das Naus, Cais do Sodré, Av. 24 de Julho, Mercado da Ribeira, Av. Infante D. Henriques, Rua dos Arameiros, Rua da Alfandega, Rua da Betesga, Praça Marquês Pombal e Av. Liberdade.

Conhecida também pela edição dos recordes, esta 15ª São Silvestre irá ter 12500 atletas (e não são mais pelo limite de inscrições), 38% das quais atletas femininas, em representação de 49 nacionalidades.

Estas informações foram transmitidas por Hugo Sousa, Diretor-Geral da HMS Sports, que esteve acompanhado na cerimónia por Ângelo Pereira (Vereador de Desporto da Câmara Municipal de Lisboa), Susana Coerver (Diretor de Marketing Lidl Portugal), Jorge Vieira (Presidente da Federação Portuguesa de AtletismoFPA), e pelos atletas Jessica Augusto, Ana Dulce Félix, Samuel Barata, João Pereira e Ricardo Ribas; Miguel Ferreira Pinto, dos Iron Brothers, este presente no evento para explicar onde vai ser aplicado o dinheiro conseguido com a realização da São Silvestre da Pequenada, realizada a semana passada, em Monsanto.

Para além da discussão pela vitória, existem mais duas características que chamam a atenção dos espetadores: o recorde da prova e a “guerra dos sexos”.

Em 2021, Samuel Barata (Benfica) bateu o anterior melhor tempo da prova ao fazer 28m43s, mas o objetivo para este ano é fazer melhor, embora o vento possa causar estragos e impedir este desejo.

No entanto, a tarefa não será fácil, pois João Pereira (também do Benfica) promete lutar pela vitória, num ano em que Ricardo Ribas não pode participar por se encontrar adoentado, e ter sido aconselhado pelos médicos a não fazer a prova.

Na “guerra dos sexos”, a elite feminina vai partir com 4m26s de vantagem sobre a elite masculina (este tempo foi a diferença que se registou entre o vencedor masculino e o vencedor feminino, em 2021). Atualmente, os homens têm 7 vitórias conta 5 das mulheres.

O último aspeto vai para o número de atletas classificados (aqueles que concluem os 10 Km), cujo recorde data de 2015 com 10148 atletas, número que pode ser superior este ano, devido ao número de inscritos ser superior aos 12000 atletas.

A Lidl São Silvestre de Lisboa 2022 é organizada pela HMS Sports com o apoio do Lidl, Câmara Municipal de Lisboa, Instituto Português do Desporto e Juventude, Associação Mutualista Montepio, Garmin, Hyundai Portugal, Vitalis, Doublet, RTP, Rádio Comercial, A Bola, Pro Runners, Triatl3ta, O Praticante, Holmes Place, Voltaren, MSE Seguros, Multicare Vitality, Sociedade Ponto Verde, Athletika e Fertagus.