Início Mod. individuais Surf

Eurosurf Junior 2022: Grandes exibições e duas baixas no 5º dia

198
Eurosurf Junior 2022 - Santa Cruz

O quinto dia de competição para Portugal no Eurosurf Junior de Santa Cruz foi repleto de acção, com 11 dos 12 surfistas ainda em prova a entrar na água (excepção feita ao longboarder Frederico Carrilho) e com um saldo amplamente positivo, tendo tido momentos de brilhantismo como aqueles protagonizados por Martim Nunes (sub-18), Gabriela Dinis (sub-18 fem), Matias Canhoto (sub-16) e Jaime Veselko (sub-16) todos a manterem-se no ‘main event’.

De destacar o desempenho de Martim Nunes que, com um total de 17,60 no seu heat da terceira ronda, é agora detentor do score total mais alto da divisão sub-18 e o segundo mais alto do evento, apenas superado pelo 17,75 do espanhol sub-16 Hans Odriozola.

Menos sorte para Frederico Mittermayer (sub-18), que começou bem vencendo na ronda 3 do evento principal, mas que depois teve um heat muito complicado com Martim Nunes e o espanhol Kai Odriozola e acabou relegado para as repescagens; e Francisco Ordonhas (sub-18), que também caiu para as repescagens, acabando, ainda assim, por vencer de forma convincente na ronda 4 deste percurso secundário até às medalhas.

Em sub-16 feminino, houve também dois percalços com Erica Máximo e Maria Salgado a caírem para as repescagens.

Entretanto, Maria Dias esteve muito bem no primeiro teste de repescagens, tendo vencido o seu heat da quarta ronda de repescagens sub-16 femina.

No balanço final do dia, duas perdas a lamentar: a de Beatriz Carvalho e Benedita Teixeira, ambas eliminadas na quarta ronda das repescagens sub-18 feminina.

João Aranha, presidente da Federação Portuguesa de Surf (FPS) e chefe da comitiva, fez o balanço de mais uma longa jornada da Selecção Nacional nesta prova da European Surfing Federation (ESF):

Foi mais um dia de grande desgaste para esta Selecção que tão boa conta de si tem dado nesta prova. É verdade que tivemos altos e baixos, mas, felizmente, muitos mais altos que baixos e alguns desempenhos que nos fazem acreditar muito no futuro do nosso surf.

É, aliás, mais do que títulos o que está aqui em causa em Santa Cruz. Ainda assim, nunca desprezamos a possibilidade de um bom resultado e sabemos que o título europeu continua ao nosso alcance.

Nas nossas contas, estamos na corrida com Espanha e França e, como é habitual, tudo só será decidido no último dia.”

O Eurosurf Junior continua até sábado, dia em que se prevê a conclusão do evento, apesar do período de espera da competição se estender até domingo.

Pode acompanhar o evento através do live webcast em www.eurosurfing.org ou www.oceanspirit.pt