Início Mod. individuais Ciclismo

António Morgado conquista 2º lugar no Trophée Centre Morbihan

17
Trophée Centre Morbihan 2022 - Pódio

António Morgado subiu hoje ao pódio do Trophée Centre Morbihan, na Bretanha, em França, depois de conquistar o segundo lugar da geral. Este foi um dia que ficou marcado pelo grande trabalho de equipa conseguido pela Selecção Nacional, que permitiu este resultado nesta prova da Taça das Nações.

Neste domingo, os corredores da Selecção Nacional que estiveram em competição no Trophée Centre Morbihan, na Bretanha, em França, enfrentaram duas etapas, uma de manhã e outra à tarde.

A primeira prova do dia foi um contrarrelógio individual de sete quilómetros, entre Réguiny e Évellys. António Morgado foi o melhor corredor português em competição, tendo terminado com o oitavo melhor tempo, a 25 segundos do vencedor, o britânico, Joshua Tarling.

Com este resultado, António Morgado conseguiu subir um lugar na classificação geral da prova, ascendendo ao oitavo posto.

À tarde, os corredores tiveram pela frente um percurso de 109,9 quilómetros, entre Buléon e Locminé. Tal como aconteceu no dia de ontem, esta foi uma etapa bastante atacada desde cedo.

António Morgado e Gonçalo Tavares chegaram a sofrer uma queda durante a etapa, num dos vários topos do percurso, mas sem consequências de maior.

Quando o pelotão entrou no circuito final, a Selecção Nacional atacou com António Morgado e Rúben Rodrigues, formando uma fuga de 17 corredores composta por alguns dos favoritos à vitória da classificação geral.

Rúben Rodrigues foi até ao limite para tentar aumentar o ritmo na frente da corrida, deixando depois António Morgado na cabeça do grupo. O corredor português tentou fazer com que alguns corredores importantes para a geral perdessem o contacto, atacando várias vezes, mas sem sucesso.

Entretanto, seria o francês Ronan Auge a destacar-se seguindo a solo até à meta. O grupo chegaria pouco depois, com António Morgado a sprintar para o sexto lugar na etapa.

A vitória na geral ficaria para o belga Jens Verbrugghe, com o português a conquistar o segundo lugar, a escassos sete segundos do vencedor. De destacar ainda que Portugal terminou esta prova da Taça das Nações na quarta posição por equipas, na frente de Selecções como a da Grã-Bretanha e a da França.

O seleccionador nacional, José Poeira, destacou o excelente trabalho de equipa que levou ao segundo lugar de António Morgado.

Esta foi uma etapa muito violenta, sempre feita a um ritmo muito alto. Numa das subidas, o António e o Gonçalo ficaram numa queda, sendo que António conseguiu levantar-se e recolar mais rapidamente.

O Rúben atacou com ele à entrada do circuito final e deu tudo até conseguir, passando depois o testemunho ao colega. O António tentou descarregar o corredor belga até ao final, mas houve sempre resposta e, por isso, conseguimos o segundo lugar na geral.

Este resultado superou as expectativas que tínhamos e todos os corredores estão de parabéns. Fizeram um trabalho espectacular para que ele conseguisse dar a volta à geral. Posso dizer que a equipa hoje funcionou a 100%”, ressalvou José Poeira.

A comitiva nacional segue agora rumo à Suíça, onde disputará, de 26 a 29 de maio, uma das mais exigentes provas por etapas do mundo para os júniores, o Tour du Pays de Vaud.

FP Ciclismo