Início Mod. individuais Ralis

Rally de Portugal 2022: Pedro Fontes e Inês Ponte seguram 4º lugar no CPR

31
Citroen Vodafone Team - Rally de Portugal 2022

Terminou, em termos de Campeonato de Portugal de Ralis (CPR), o Vodafone Rally de Portugal e a dupla José Pedro Fontes / Inês Ponte conseguiu garantir um positivo quarto lugar final.

Num dia duro, com sete especiais, disputadas na zona centro do país, e ainda a Super Especial de Lousada, a equipa que tripula o Citroën C3 Rally2 somou mais um importante lote de pontos, apesar de um atraso considerável logo pela manhã, devido a um furo.

Aliás, a etapa de ontem – com duplas passagens pelas especiais Lousã, Arganil e Góis, e ainda Mortágua (Power Stage) – revelou-se muito complicada para a maioria das equipas, nomeadamente nos troços repetidos, com os furos a causarem muitas dificuldades, enormes atrasos e, nalguns casos, acabando mesmo por redundar em abandonos.

A verdade é que o furo que atrasou a equipa na primeira passagem pela especial de Arganil, que ditou um atraso de mais de quatro minutos, não espelha de forma alguma a exibição de José Pedro Fontes ao longo da primeira etapa deste Vodafone Rally de Portugal.

Destaca-se uma série de marcas muito positivas ao longo do dia, nomeadamente a vitória nas segundas passagens por Góis e Arganil e o segundo lugar na Power Stage (Mortágua), que lhe valeram dois pontos adicionais em termos de campeonato.

Mesmo tendo terminado o dia longe daquilo que almejava para esta quarta prova do Campeonato de Portugal de Ralis, José Pedro Fontes esclarecia, à chegada ao recinto da Exponor (Parque de Assistência), que “foi um dia muito duro”.

Tentar gerir o andamento para evitar furos e, ao mesmo tempo, manter um andamento forte, não foi, de todo, fácil. Tal como esperávamos, o nível de exigência desta prova é incomparável e nós, infelizmente, não estivemos imunes a percalços.

Todavia, a pontuação em termos de campeonato é muito importante e a ela juntámos ainda a vitória em duas especiais, que nos deixa muito satisfeito e especialmente motivados para o resto da prova.

Não é por acaso que este é considerado o melhor rali do Mundo e nós vamos continuar a disfrutar, mostrando as capacidades do nosso Citroën C3 Rally2.

Agora vamos tratar de ter o carro nas melhores condições para a etapa de amanhã, que promete ser tão ou mais exigente que a de hoje…

Hoje (sábado) as equipas que decidiram continuar em prova – lutando pelo lugar de melhor dupla nacional no Vodafone Rally de Portugal – têm pela frente 169,98 km cronometrados, das duplas passagens pelas especiais de Vieira do Minho (17,48 km; 07h38 e 14h38), Cabeceiras de Basto (22,03 km; 08h38 e 15h38); Amarante  (37,24 km; 09h54 e 16h54), num dia que se completa com nova Super Especial do Porto (3,30 km; 19h03).

* Nota importante: As horas indicadas referem-se ao primeiro carro na estrada. 

Rally de Portugal 2022: Saiba tudo sobre a prova do ACP

Rally de Portugal 2022 na RTP tem cobertura completa: Digita, Rádio e Televisão