Início Mod. individuais Motociclismo

World SBK 2022: Dominique Aegerter encabeça a tabela de tempos combinados

21
World SBK 2022 - Circuito do Estoril

O Campeão do Mundo Dominique Aegerter assinou várias voltas rápidas durante a segunda sessão de treinos para encabeçar a tabela de tempos combinados.

A impressionante volta em 1:39,806s foi dois décimos de segundo melhor que o recorde da pista assinado por Isaac Viñales, além de ter sido também 0,555s mais rápido que o rival mais próximo.

O registo surgiu numa série de 14 voltas, todas elas no segundo 39 alto, ou no segundo 40 baixo, ou médio. Aegerter ficou cerca de meio segundo à frente de Lorenzo Baldassarri (Evan Bros. WorldSSP Yamaha Team) com o estreante italiano a fazer uma tempo de 1:40,361s e a não melhor na FP2.

Baldassarri terminou 0,140s à frente de Jules Cluzel (GMT94 Yamaha) que fez segundo,  tendo só superado o seu colega de equipa Andy Verdoia nos últimos cinco minutos.

Verdoia esteve quase sempre em segundo na FP2, sendo terceiro na classificação combinada, acabando destronado pelo colega de equipa. Um terceiro lugar a coroar um dia forte do francês.

Glenn van Straalen (EAB Racing Team), que vem de um soberbo início de época de 2022 deu no Estoril continuidade com um quinto lugar na classificação combinada ao fazer 1:40,607s na FP2, terminando com pouco mais de um décimo de vantagem sobre Federico Caricasulo (Althea Racing), cujo dia foi interrompido por um acidente na curva 7 na FP1.

Federico recuperou na FP2 para fazer o sexto melhor tempo na classificação combinada, à frente de Nicolo Bulega (Aruba.it Racing WorldSSP Team). Os dois pilotos da Ducati lutaram pela posição com Caricasulo a vencer por apenas 0,147s.

O piloto húngaro Peter Sebestyen (Evan Bros. WorldSSP Team) concluiu um dia forte em oitavo lugar, depois de melhorar um segundo entre os seus melhores tempos de volta na FP1 e na FP2, com 1:40,928s na FP2 obetendo assim o oitavo lugar na classificação combinada.

Can Oncu (Kawasaki Puccetti Racing) foi outro que teve um dia agitado com dois grandes momentos na curva 13, um em cada sessão, além de uma queda na curva 6 na FP1.

Ao fazer 1:40,963s na FP1 conquistou o nono lugar, à frente de Stefano Manzi (Dynavolt Triumph), que completou os dez primeiros.

Yari Montella (Kawasaki Puccetti Racing) perdeu um lugar no Top-10 por apenas 0,006s ao conquistar o 11º posto, à frente de Raffaele De Rosa (Orelac Racing VerdNatura WorldSSP) em 12º; o italiano caiu na curva 1 na FP2.

Unai Orradre (MS Racing Yamaha WorldSSP) rodou nas primeiras posições ao longo do dia, mas acabou em 13º lugar, apenas 0,047s à frente de Tom Booth-Amos (Prodina Racing WorldSSP) com o britânico a regressar à competição após uma lesão sofrida em Assen.

Niki Tuuli (MV Agusta Reparto Corse) completou o top 15 com o 15º lugar.

Tom Edwards (Yart – Yamaha WorldSSP) foi 19º, depois de cair na curva 1 da FP2, embora não tenha sido o único piloto a ser apanhado por esta direita após uma zona de travagem forte.

Ben Currie (Motozoo Racing by Puccetti) foi outro que foi apanhado na FP2 na sua primeira aparição do ano, terminando em 25º na classificação combinada.

World SBK