Início Mod. individuais Vela

Cascais 44 Cup 2022: Charisma, de Nico Poons, venceu todas as regatas no dia de abertura

106
Charisma - 44 Cup 2022 Cascais - 1º dia

Tradicionalmente, a equipa do holandês Nico Poons, Charisma a representar as cores do Monaco, é conhecida pelas inconstantes performances, mas desta vez esteve na mó de cima, quando desafiou as probabilidades ao vencer não uma, mas todas as três regatas disputadas no dia de abertura da 44Cup Cascais.

Este resultado estonteante, ao levar a melhor a toda concorrência ultracompetitiva, ocorre depois do Charisma sofrer um decepcionante oitavo lugar no primeiro evento da 44Cup de 2022 em Puerto Calero, Lanzarote.

Com o vento a soprar do local habitual, quadrante de noroeste, a previsão diatava que a velocidade do vento estaria entre 13-15 nós, aumentando gradualmente ao longo da tarde. Na verdade, este aumento da intensidade do vento não se concretizou, embora o suficiente para que as oito equipas RC44 disfrutarem e surfarem as ondas do Atlântico sob um sol escaldante.

Embora os resultados pareçam que Charisma fez conforme a sua vontade, isso estave longe de ser o caso. Devido à geografia de Cascais, o lado direito do percurso normalmente compensa nas pernas à bolina (contra o vento) e conforme seria de esperar geralmente eram aqueles que apostavam mais neste lado do campo desde o início da perna que prevaleciam sobre os restantes.

Na primeira regata do dia, foi o Team Aqua que liderou na primeira volta, mas o Charisma habilmente ultrapassou-os no final da primeira popa, permitindo que ela estes se separassem da equipa de Chris Bake, escolhendo a baliza de estibordo da porta quando o Team Aqua foi para a esquerda.

A partir daí, o Charisma continuou para o lado direito do percurso e teve apenas que controlar o resto da frota para receber a primeira vitória seguidos pelo Team Aqua, em terceiro o Ceeref de Igor Lah, que defendendo o avanço do Team Aleph de Hugues Lepic, que fechou na quarta posição.

Na segunda prova do dia, a Artemis Racing de Torbjorn Tornqvist dominou a primeira bolina, tendo chegado à primeira baliza à frente do Team Nika com o Charisma em terceiro.

Mais uma vez, e indo mais à do que o resto da frota na segunda bolina, o Charisma alcaçou a liderança seguido do Team Aleph na passagem a barlavento, com a equipa sueca a cair para o terceiro lugar.

O bom controlo da frota permitiu que a equipa de Poons conseguisse a sua segunda vitória em Cascais, ajudada pelo azar do Team Nika, que foi obrigado a retirar-se por um dano no brandal volante.

Com a adrenalina em alta, na terceira regata, o Team Aleph e a Peninsula Racing de John Bassadone laragaram adiantados e foram obrigados a regressar à linha de largada.

Enquanto isso, Charisma e Team Nika, já com a reparação do dano que sofreram na segunda regata do dia, lideravam o ataque para o lado esquerdo do percurso.

Quando os barcos se aproximavam da baliza de barlavento, o Charisma acaba por sair na frente com cinco outros barcos imediatamente atrás a lutar por qualquer espaço que existisse para rondar a boia numero 1.

Charisma então só teve que navegar rápido e conservador para garantir a sua terceira vitória à frente de Ceeref e Team Nika.

O dia perfeito deixa a equipa de Poons com uma liderança retumbante para o segundo dia, com Ceeref em segundo no geral, três pontos à frente do Team Aqua.

Este campeonato conta com os apoios do Turismo de Portugal, Visit Cascais, Câmara Municipal de Cascais, Federação Portuguesa de Vela, Marina de Cascais e Vista Alegre.

Conta ainda com o apoio institucional da associação não governamental Sailors For The Sea – Portugal

Clube Naval de Cascais