Início Mod. colectivas Hóquei em Patins

Torneio Inter-Regiões (F) 2022: AP Aveiro vence com total de 12 pontos

14
AP Aveiro - Torneio Inter-Regiões (F) - Sesimbra

Terminou ontem, em Sesimbra, a segunda edição do Torneio Inter-Regiões Feminino, com a Associação de Patinagem de Aveiro a sagrar-se vencedora, com um total de 12 pontos.

Durante três dias, seis associações – Lisboa, Setúbal, Leiria, Coimbra, Porto e Aveiro – competiram pelo título, com equipas de atletas nascidas entre 2005 e 2008, num modelo competitivo de campeonato a uma volta.

O torneio integra-se na estratégia de desenvolvimento do Hóquei em Patins Feminino desenvolvida pela Federação de Patinagem de Portugal (FPP) e, segundo o vice-presidente da FPP para o Hóquei em Patins e Hóquei em Linha, Vítor Ferreira, é para continuar.

Foi um torneio com sucesso, que segue na linha orientadora da Federação na igualdade de género. Temos feito imenso pelo hóquei feminino e vamos continuar a trabalhar nesse sentido“.

Para o presidente da FPP, Luís Sénica, este torneio significa “uma vitória de todos os que se envolvem neste projecto do Hóquei em Patins, neste caso Feminino” que têm “toda a legitimidade e direito de ter estes eventos e estes estímulos e o sonho de perspectivarem uma carreira na modalidade pela qual têm paixão“.

Foram três dias muito interessantes num ambiente excepcional, com muita harmonia e fair-play, mas também com muita competitividade e muita vontade de fazer o melhor em pista. Independentemente de quem ganhou, hoje ganham estas seis Associações“, disse.

Sénica sublinhou que o Campeonato Feminino de Sub-15 e Sub-19 (a decorrer pela primeira vez em julho) é mais uma iniciativa para fomentar o hóquei em patins feminino.

É mais um passo que acreditamos venha a consolidar ainda mais este trajecto. A Federação tem apoiado muito do ponto de vista financeiro, mas só isso não chega e é preciso irmos à operação“.

O presidente da FPP lembrou que “já temos equipas mistas – o que é inédito no contexto federativo e até na Europa que mulheres possam jogar com homens“.

Tal é permitido até à 2ª Divisão Nacional com três atletas” assim como “na 3ª divisão é permitido uma equipa só de atletas femininas“.

Portanto, recuperámos este espaço que é um espaço de excelência para revitalizar as regiões e participámos, em Bragança, com uma equipa feminina dos OIST numa competição de rapazes, onde elas estiveram muito bem e deram tudo o que tinham e marcaram presença“.

Luís Sénica expressou o desejo que “os clubes percebam aquilo que está a ser organizado neste contexto, no Campeonato Nacional, que percebam pela positiva e de uma forma pedagógica que estamos aqui para desenvolver hóquei, dando o espaço de competição a estas atletas“.

Classificação final da 2ª Edição do Torneio Inter-Regiões Feminino

FP Patinagem