Início Mod. individuais BTT

Circuito Mundial de Júniores: Selecção Portuguesa de BTT cumpre objectivos em Albstadt

23
Selecção Portuguesa de BTT - Albstadt 2022

A Selecção Nacional de BTT esteve hoje em competição na etapa de Albstadt, na Alemanha, pertencente ao circuito UCI Junior Series. Os corredores cumpriram com os objectivos estabelecidos, com Artur Mendonça a ser o português mais bem classificado, na 30ª posição.

Os júniores masculinos enfrentaram corredores de grande qualidade nesta etapa do circuito mundial de júniores de cross country olímpico (XCO), entre um pelotão de mais de 130 atletas de todo o mundo.

Artur Mendonça doi o melhor corredor português em prova, tendo terminado na 30ª posição, a 4m52s do vencedor, o dinamarquês, Gustav Pedersen, que completou a prova em 1h02m14s.

Pouco depois de Artur Mendonça, chegou Rafael Sousa, na 48ª posição, a 6m48s de Pedersen. Mais atrás terminaram Guilherme Barros e Tomás Gaspar, em 102º e 107º, respectivamente.

Guilherme Barros terminou a 11m58s, ao passo que Tomás Gaspar terminou a uma volta do vencedor.

No sector feminino as representantes da Seleção Nacional foram Mariana Líbano e Marta Carvalho. A corredora que conseguiu alcançar um melhor resultado foi Mariana Líbano, que concluiu a prova na 39ª posição, a 9m49s da vencedora, a suíça, Monique Halter, que completou a prova em 56m38s.

Marta Carvalho fechou em 47º, a 11m40s. Também em prova, mas em representação da sua equipa, esteve Laura Simão (BTT Loulé/Elevis) que, apesar de uma queda, terminou a prova em 67º lugar, a 13m15s.

O Artur esteve bem durante toda a corrida, permanecendo sempre entre os 30 primeiros corredores, e tem mostrado muita consistência ao longo das provas.

O Rafael fez uma corrida tranquila, de trás para a frente, com uma prestação dentro daquilo que era esperado. Infelizmente, o Guilherme e o Tomás partiram as correntes logo na primeira volta e tiveram de ir a pé até à zona de assistência, o que os fez perder muito tempo.

No entanto, mantiveram-se de cabeça erguida e foram recuperando posições até ao final. No sector feminino, a Marta, que é uma corredora de 1º ano, estava muito satisfeita no final da prova, pois cumpriu com os objectivos propostos.

Já a Mariana, apesar de ser mais experiente, não fez a prova que se esperava, mas a sua força de vontade certamente a fará recuperar já na próxima corrida”, explicou Pedro Vigário.

A próxima corrida em que a Selecção Nacional de BTT irá participar, vai ter lugar já no dia 14 de maio, em Nové Město na Moravě, Chéquia.

FP Ciclismo