Início Mod. individuais Fórmula E

Formula E 2022: Maserati regressa à competição em 2023

76
Maserati - Formula E 2023

A Maserati comunicou esta terça-feira a intenção de participar no FIA Formula E World Championship em 2023, como parte da sua estratégia de competição nos desportos motorizados.

Este nome, com profundas raízes no desporto automóvel, será a primeira marca italiana a participar na Fórmula E. Com o regresso aos circuitos, a Maserati pretende recuperar e renovar o espírito competitivo que faz parte do seu ADN e que os fanáticos da marca do Tridente tanto queriam.

O incomparável legado da Maserati (uma marca intrinsecamente ligada à alta performance) no mundo da competição, e a sua postura inovadora no âmbito da electrificação, estão em perfeita sintonia com o espírito do FIA Formula E World Championship, o primeiro campeonato de Grandes Prémios disputados por automóveis eléctricos em circuitos urbanos.

A Maserati nasceu nos circuitos a partir da audácia, primeiro, dos irmãos Maserati e, depois, dos seus pilotos. A sua estreia na competição foi há 96 anos.

O primeiro carro de corridas a exibir o logótipo do Tridente no capot foi o Tipo 26, na Targa Florio em 1926, obtendo o primeiro lugar na classe de até 1,5 L, com Alfieri Maserati ao volante.

Mais de trinta anos depois, em 1957, Juan Manuel Fangio venceu o Campeonato do Mundo de Formula 1 com a Maserati e a última vez que um monolugar Maserati foi visto em pistas foi com Maria Teresa De Filippis, a primeira mulher da história a qualificar-se para um Grande Prémio de Fórmula 1, a bordo de um 250F.

A sua última aparição na competição foi com o impressionante MC12, que venceu 22 corridas (incluindo três vitórias nas 24 Horas de Spa) e 14 títulos da Taça do Mundo FIA GT, nas categorias de Construtores, Pilotos e Equipas, entre 2004 e 2010.

O mundial de Fórmula E proporcionará à Maserati uma plataforma perfeita para exibir o incomparável legado da marca e a nova gama Folgore num ambiente em que coexistem de forma notável a alta performance e a inovação.

Estará pela primeira vez na grelha de partida da 9ª temporada com o novo monolugar Gen3, o carro de Fórmula E mais rápido, ligeiro e potente de sempre, segundo informações da própria marca.

É o carro de corridas mais eficiente do mundo e apresentando uma série de inovações tecnológicas, de produção e de design líderes na indústria.

As corridas de Fórmula E levam a emoção da alta competição ao centro das cidades mais emblemáticas do mundo, entre elas Nova Iorque, Mónaco, Berlim, Cidade do México, Londres e Roma.

O propósito da modalidade é tornar os automóveis eléctricos cada vez mais eficientes, aumentando as baterias e desenvolvendo sistemas cada vez mais evoluídos.

Campeonato este que se assume como um dos mais relevantes no mundo automóvel, com nomes de destaque como o piloto português António Félix da Costa, campeão do mundo na temporada 2019-20 pela equipa DS Techeetah.

ACP Desporto