Início Mod. individuais Motocross

Motocross das Nações: Quedas condicionaram resultado final dos portugueses

44
Motocross das Nações 2021 - Mantova

Fora da qualificação por muito pouco no Sábado, a equipa lusa presente no Motocross das Nações realizado em Mantova no passado fim‑de‑semana voltou a ter nos contratempos de corrida a maior condicionante aos seus resultados.

A 27ª posição final entre as 31 selecções presentes não espelha de forma alguma o empenho e ambição do trio de pilotos lusos que vestiram de forma exemplar a camisola com as cores de Portugal.

Hugo Basaúla, Luís Outeiro e Marco Silva mereciam muito mais, mas depois do estreante Marco ter sofrido uma queda logo no Sábado que o deixou fora da competição, Hugo Basaúla e Luís Outeiro não baixaram os braços e foi com forte ambição que enfrentaram a final B, que apura uma equipa para as finais de qualquer edição do MX das Nações.

Mas as quedas voltaram a estar ao lado dos portugueses e ambos os pilotos foram vítimas de duas quedas no decorrer dessa corrida de ‘última oportunidade’.

Luís Outeiro caiu logo na partida e mais tarde voltou a ‘ficar no chão’ quando outro piloto caiu na sua frente. Hugo Basaúla não caiu no arranque, mas sofreu duas quedas durante a corrida, a segunda mais violenta e que o levou a perder muitas posições.

Desta forma Outeiro foi 12º na Final B e Basaúla o 26º, terminando assim de forma inglória o esforço da dupla nacional que esteve em pista.

Globalmente, a prova foi ganha pela equipa anfitriã, Itália, na frente de holandeses e britânicos.

FP Motociclismo