Início Mod. individuais Surf

Mundial de Surf 2021: Portugal mantém todos os elementos em prova

4
Federação Portuguesa de Surf

Portugal prossegue com todos os elementos em jogo no Mundial ISA de El Salvador (ISA World Surfing Games) e as aspirações olímpicas intactas, depois de um dia completamente dedicado às três primeiras rondas de repescagem.

Neste contexto, apenas Miguel Blanco competiu, sendo que Frederico Morais e Carolina Mendes, que também foram relegados para o percurso de repescagem, apenas competirão a partir da quarta ronda.

E Miguel Blanco cumpriu de forma brilhante o que lhe foi pedido, passando as suas baterias, num dia marcado por ondas a passar confortavelmente a barreira dos dois metros em La Bocana e El Sunzal, os dois “spots” do campeonato.

Na segunda ronda de repescagem, Blanco foi segundo, atrás do surfista do Panamá, Jean Gonzalez, mas superando o suíço Michael Zaugg e o dinamarquês Oliver Hartkopp.

Na terceira ronda, o surfista da Linha do Estoril foi novamente segundo, numa bateria muito complicada, com o australiano do world tour, Ryan Callinan, e um ex-campeão mundial ISA, o costa-riquenho Noé McGonagal.
Miguel saltou de quarto para primeiro, na força de um 7.50, a melhor onda do heat, mas acabou por ser ultrapassado nos últimos momentos por Noé McGonagle, que somou um total de 11,70 contra o 11.23 de Blanco.

Tivemos altas ondas hoje. Competi na direita (El Sunzal), que obriga a um surf um pouco mais tático e estive quase 10 minutos à espera de uma onda. Mas quando apareceu, foi boa, um 7,5. Mas sabia que ia ser difícil manter a liderança e tentei apressar para um back up. Não foi o que queria, mas foi suficiente para eliminar um surfista do CT como o Ryan Callinan”, Miguel Blanco resumiu assim a sua segunda bateria.

Quanto ao facto de estar a lutar nas repescagens, o surfista português relativizou.

Faz parte. Às vezes, as coisas não correm como queremos, mas já houve anos em que surfistas vieram das repescagens para ganhar o evento; por isso, tenho de ser perseverante e inteligente e, se Deus quiser, chegar à final.”

FP Surf

Artigo anteriorCNMX 2021: Luís Outeiro assumiu a liderança da Elite em Fernão Joanes
Próximo artigoEuropeu de Paraciclismo: Luís Costa sagra-se vice-campeão de contrarrelógio