Início Mod. colectivas Futebol

Portimonense vence Nacional e fica mais perto da manutenção

8

O Portimonense venceu o Nacional, por 5-1, em jogo a contar para a 25ª Jornada da Liga NOS, disputado no Est‭ádio da Madeira, na Choupana.

Apesar de estar algum nevoeiro no início da partida (coisa normal nesta região da Madeira), este nunca atrapalhou a exibição dos jogadores, pois esteve sempre alto e pouco espesso.

Uma das novidades para este jogo era a presença de Manuel Machado no banco de suplentes da formação madeirense, o que podia dar um novo alento ao conjunto que está uns furos abaixo daquilo que prometia no início da época.

No entanto, a partir dos 20 minutos, o Portimonense tomou conta do jogo, criou várias oportunidades e aos 33 minutos, Beto apareceu na cara de Piscitelli e inaugurou o marcador.

Até ao intervalo, o Nacional tentou reagir ao golo sofrido, mas quem marcou foram novamente os algarvios, por intermédio de Luquinha, dando uma tranquilidade ao treinador Paulo Sérgio.

No início da segunda metade, Anderson Oliveira e Aylton Boa Morte estiveram perto do golo, mas o 0-3 iria chegar através de Beto; pouco depois, Aylton Boa Morte esteve a escassos centímetros do 4º golo e aos 63 minutos, na sequência de um livre direto, Fali Candé atirou forte e colocado, lançando mais uma vez a festa no banco de suplentes da equipa que viajou desde o Sul de Portugal Continental.

Com o 0-4, o Portimonense relaxou e o Nacional criou duas oportunidades, cuja a última deu golo, graças a um pontapé certeiro de Bryan Rochez à passagem do 68º minuto.

Este golo podia ter catapultado os madeirenses para uma boa exibição, mas foi o Portimonense que continuou em destaque, pois teve um par de oportunidades para marcar o 5º golo.

Primeiro foi Aylton Boa Morte, depois Beto, a seguir Luquinha e por fim, Fabrício, que fechou as contas e deixou Paulo Sérgio e o Portimonense a respirar bem melhor, embora a manutenção ainda esteja muito longe de estar assegurada.