Rio’2016: Telma Monteiro revela que sempre acreditou na conquista de uma medalha

Rio’2016: Telma Monteiro revela que sempre acreditou na conquista de uma medalha

Telma Monteiro chegou hoje a Portugal e antes de voltar à competição quer descansar, lançar a sua biografia e recuperar da lesão contraída no ombro

74
Telma Monteiro

A Missão Olímpica Portuguesa que esteve a representar o país nos Jogos Olímpicos Rio’2016, que terminaram no passado Domingo, chegou esta Quarta-Feira à cidade de Lisboa.

Apesar de alguns maus resultados (apenas uma medalha de Bronze), muitos portugueses estiveram presentes no Aeroporto Humberto Delgado, o que deixou a medalhista Telma Monteiro bastante satisfeita.

Aos jornalistas, a judoca começou por dizer que “quando estava quase a aterrar, sentei-me na cadeira e pensei em tanta coisa que já não me lembro; estava super nervosa, ainda mais nervosa do que no combate decisivo, mas é bom perceber que venho mais feliz e tranquila; é um momento bom para partilhar com os outros atletas”.

A atleta do Benfica disse ainda que “sempre acreditei numa medalha; quando estava no tapete lembrei-me da lesão, mas como não há limites, acreditei; prevaleceu a coragem, quando estamos nos Jogos temos de lutar até ao fim”.

Para Tóquio, Telma não aponta para nenhum objectivo, pois ainda é muito cedo: “Para já quero-me centrar no lançamento da minha biografia, depois ir de férias e recuperar a 100% do problema do ombro contraído no Brasil; quando voltar ao circuito, espero conquistar muitas medalhas, ganhar Europeus e Mundiais, pois ainda tenho muito espaço vazio em casa; se me apurar para Tóquio’2020, aí sim, vou traçar objectivos; quero fazer tudo bem para chegar em boa forma”.

Telma Monteiro terminou as suas declarações desvalorizando as críticas feitas aos atletas portugueses, pois “houve bons resultados; todos queríamos mais e melhor, mas há espaço para melhorar em Tóquio; achei que algumas críticas foram injustas, sem sentido, mas temos de superar isso, pois há sempre pessoas prontas a disparar, com o dedo no gatilho, mas espero que quem agora critique, no futuro aplauda”.

A próxima grande competição de Judo, que será o European Open 2016, está marcada para os próximos dias 10 e 11 de Setembro no Pavilhão dos Concertos, em Tallin, na Estónia.