Volta a Portugal 2016: Júnior João Almeida soma e segue

Volta a Portugal 2016: Júnior João Almeida soma e segue

João Almeida reforçou o comando na Volta a Portugal de Júniores, vencendo a 2ª etapa, que hoje levou os corredores de Vila Verde a Fafe (88 quilómetros).

351

João Almeida (Bairrada) reforçou o comando na Volta a Portugal de Júniores Liberty Seguros, vencendo a segunda etapa, que hoje levou os corredores a percorrer 88 quilómetros, entre Vila Verde e Fafe.

À semelhança do que acontecera na véspera, o calor juntou-se ao percurso ondulado para dificultar a vida aos jovens corredores durante a segunda etapa, designada Troféu Peixoto Alves, em homenagem ao antigo craque. Apesar da dureza, foi um grupo numeroso que abordou a entrada na cidade de Fafe, mas João Almeida não permitiu uma chegada ao sprint.

O corredor das Caldas da Rainha atacou no último quilómetro, em subida e em estrada de empedrado, e cortou a meta sozinho, ao fim de 2h31m58s de prova. Pedro Lopes (Alcobaça CC/Crédito Agrícola), que ainda é júnior de primeiro ano, esteve, novamente, em excelente plano, ocupando a segunda posição na tirada, a 8 segundos do vencedor. O terceiro foi o mexicano Eugenio Mirafuentes (Grupo Codelse), a 11 segundos.

As duas vitórias de etapa não garantem, contudo, o triunfo final a João Almeida, uma vez que inexistência de bonificações faz com que a vantagem para o segundo na geral, Pedro Lopes, seja apenas de 15 segundos. O espanhol Tomeu Gelabert (RH+ Polartex-Fundación Contador) é o terceiro, a 18 segundos.

“A etapa de hoje custou mais do que a primeira, tanto pelo calor como pelo terreno. Ataquei no último quilómetro para consolidar a liderança, pois quero levar a camisola amarela até final”, afirmou João Almeida.

Questionado sobre se tenciona vencer a última etapa, amanhã, o camisola amarela desabafou: “Isso também já era de mais”.

As classificações secundárias, à semelhança da geral, mantiveram hoje o mesmo líder que saiu da etapa inaugural. João Almeida comanda por pontos, Pedro Lopes é o melhor jovem e Tomeu Gelabert segurou a camisola dos trepadores. Por equipas comanda a RH+ Polartex-Fundación Contador.

A Volta a Portugal de Júniores Liberty Seguros termina neste Sábado. A terceira e última etapa terá 110,3 quilómetros, ligando Boticas a Macedo de Cavaleiros. A passagem pela serra de Bornes, a 15,2 quilómetros da chegada, deverá fazer mossa. A tirada final designa-se Troféu Basílio Angélico, homenageando o histórico dirigente da Associação Regional de Ciclismo de Vila Real.