Troféu Mini 2017: Novos vencedores no Circuito de Vila Real

Troféu Mini 2017: Novos vencedores no Circuito de Vila Real

André Pimenta e Manuel Fernandes foram os mais fortes no Circuito de Vila Real. Cinco vencedores diferentes em seis corridas do Troféu Mini já realizadas

62

Troféu Mini 2017 - Circuito de Vila RealOs Mini do troféu organizado pela Race Ready deram um verdadeiro espectáculo nas ruas de Vila Real. Pequenos e muito ágeis, sentiram-se como peixe na água no exigente e desafiante circuito urbano. Quanto a vitórias, mais duas estreias. Desta vez foi André Pimenta e Manuel Fernandes que subiram ao lugar mais alto do pódio.

Já são cinco os vencedores em seis corridas realizadas. Francisco Formosinho Sanchez continua na frente, mas viu Rui Costa aproximar-se nas contas pela conquista do Troféu Mini 2017.

Depois de o piloto da casa, em conjunto com Pedro Carvalho, ter obtido a ‘pole-position’ perante os seus conterrâneos, foi André Pimenta que se estreou a ganhar na primeira corrida do fim-de-semana. Muito experiente, o piloto soube tirar partido das características do Mini para mostrar que era o grande candidato ao triunfo. E se a candidatura foi anunciada, também concretizada.

Nas contas do Troféu Mini, Rui Costa não obteve a pontuação máxima, mas começou bem a operação Vila Real. O segundo posto não só lhe permitiu somar uma quantidade de pontos importantes, como ficou à frente do seu principal adversário na competição. Francisco Formosinho Sanchez sabia o quão importante era ficar à frente de Costa e andou na luta com o seu rival e com Paulo Sousa. Mas na última volta, este tentou passar Sanchez. A manobra não correu como esperado e sofreu uma penalização, enquanto Sanchez caiu para quarto atrás de Manuel Matos/Pedro Fidalgo.

No segundo confronto do dia, foi a vez de Manuel Fernandes bater a concorrência e celebrar a partir do lugar mais alto do pódio. O piloto vila-realense dominou e tornou-se no quinto vencedor diferente da competição que se estreou este ano nas pistas nacionais. Depois de André Pimenta ter ganho, Luís Filipe Oliveira levou o Mini #74 ao segundo posto e Francisco Formosinho Sanchez contentou-se com o terceiro, a pensar nas contas do troféu.

Ao acabar no último lugar do pódio, o piloto que lidera o troféu pôde quase recuperar os pontos perdidos para Rui Costa que, desta vez, ficou uma posição abaixo do seu grande adversário, debatendo-se com problemas de caixa. Ainda assim, a diferença pontual entre os dois baixou de seis para cinco pontos. Isto, quando ainda faltam conquistar 48, o que deixa antever um confronto intenso até à derradeira jornada de 2017, em Novembro.

Para Diogo Ferrão, responsável pela organização do Troféu Mini, a competição continua a dar cartas.

“As expectativas em torno da jornada neste circuito citadino eram grandes e foram totalmente preenchidas. O troféu está extremamente competitivo, em cada prova há vários candidatos à vitória. Neste primeiro ano, Formosinho Sanchez e Rui Costa estão a destacar-se e espero que seja uma disputa com a classe que os carros e o troféu merecem”, afirmou.