Rally dos Sertões: Marcelo Medeiros consolida liderança nos Quads após vitória na...

Rally dos Sertões: Marcelo Medeiros consolida liderança nos Quads após vitória na 2ª etapa

195

Principal candidato ao título dos Quads, Marcelo Medeiros venceu mais uma etapa do Rally dos Sertões nesta Segunda-feira (3), no percurso entre os municípios de Rio Verde (GO) e Itumbiara (GO). O maranhense da Taguatur Racing completou o percurso de 329,97 quilómetros, sendo 151,73 km de trechos cronometrados, em 1h34min09s.

A distância para o segundo colocado Pedro Costa, da QuaTrilha do Cerrado Rally Team, foi de 8min59s. Assim, o piloto do Norte do país ampliou a vantagem sobre o rival para 25 minutos no acumulado. Apesar disso, Medeiros mantém a cautela.

Ainda é cedo para pensar em título, há muitas coisas para acontecer. É difícil prever quem vai ganhar, porque pode acontecer um imprevisto. Vou-me preparar para que não aconteça nada de errado comigo, como quebrar, perder-me na navegação”, diz o líder.

Já Pedro Costa analisou as dificuldades do dia.

O dia de hoje foi puxado, havia muita lombada, mata-burro, mas consegui andar certinho”, conta o competidor, que não se importa com o favoritismo de Marcelo Medeiros.

O Marcelo está aqui no Sertões há muitos anos, ele conhece o rali. Este é o meu segundo, sendo que no ano passado sofri um acidente logo no começo. Estou indo com mais calma, vamos ver o que dá”, finaliza.

Quem apareceu na terceira posição foi o uruguaio Roberto Lício, da Jianming Racing. O sul-americano terminou a parcial 9min58s atrás de Medeiros.

Foi uma etapa muito rápida, divertida, com muita lomba. Não tinha muita opção de errar a navegação. O meu quadriciclo comportou-se bem, ou seja, não tenho nada que reclamar”, afirma o uruguaio.

A boa surpresa do dia foi Hélio Pessoa, que figurou na quarta colocação. O competidor da Prorally Trilhas e Rotas ficou 10min51s atrás do vencedor. Italo Santiago, da Prorally, completou o ranking dos cinco primeiros na especial.

A baixa desta Segunda-feira foi o uruguaio Mauro Sierra. O piloto da Charrua Racing teve problemas com o seu quad, no km 2 da especial, e abandonou a luta pelo título do Rally dos Sertões 2015.

A caravana da prova segue nesta Terça-feira (4) para São Simão (GO), num percurso de 503,37 km, sendo 295,05 km de trechos cronometrados. Será a última especial em todo território do estado de Goiás, antes de entrar no Mato Grosso do Sul.

3ª etapa – 04/08 – Itumbiara (GO) – São Simão (GO)

* Deslocamento inicial: 143 km
* Trecho cronometrado: 295,05 km
* Deslocamento final: 65,32 km
* Total do dia: 503,37 km

Esta etapa começa subindo uma serra muito estreita e sinuosa, seguindo por estradas com lombas e lombadas de todos os tamanhos. A prova fica travada e sinuosa com pequenos trechos de Trial e volta para uma área agrícola onde a velocidade aumenta relativamente. Serão contornadas grandes lavouras de cana-de-açúcar com um piso misto de piçarra e areia. A especial segue em estradas menores de cascalho até ao final.

Acumulado da Quad após duas etapas (extra oficial)

1º Marcelo Medeiros, #100 Prototipo 700/Taguatur Racing, 4h06min42s
2º Pedro Costa, #103 Polaris/QuaTrilha do Cerrado Rally Team, +25min55s
3º Roberto Lício, #105 Yamaha/Jianming Racing, +38min26s
4º Italo Santiago, #101 Yamaha/Prorally, +1h05min06s
5º Geison Belmont, #102 BRP Renegade/Meikon Rally Team, +1h08min38s