Ralicross de Lousada II 2017: Matos Sport em destaque na 4ª etapa...

Ralicross de Lousada II 2017: Matos Sport em destaque na 4ª etapa do CNRX

A prova do Clube Automóvel de Lousada contou com os dois pilotos da equipa de Aveiro, Pedro Matos em Citroën DS3 nos Super Cars e Ana Matos em Mitsubishi Lancer EVO VI na Super Nacional 4WD

41

Ana Matos - Ralicross de Lousada 2017A Matos Sport voltou a estar em bom plano na 4ª prova do Campeonato Nacional de Ralicross (CNRX) que foi no passado fim-de-semana até à pista da costilha onde se realizou o Ralicross circuito de Lousada II. A prova do Clube Automóvel de Lousada contou com os dois pilotos da equipa de Aveiro, Pedro Matos em Citroën DS3 nos Super Cars e Ana Matos em Mitsubishi Lancer EVO VI na Super Nacional 4WD.

Pedro Matos partiu confiante para a prova, tendo conseguido algumas melhorias no seu Citröen que lhe permitiram estar mais competitivo. O piloto dominou os treinos cronometrados, venceu a 1ª e 2ª corrida de classificação, sendo o 2º na 3ª que lhe garantiu a pole para a decisiva final.

Nesta, o piloto arrancou para a 2ª posição, pressionando o líder da corrida, mas logo no inicio um furo fez o piloto perder algum tempo e ficar sem argumentos para lutar pela vitória, assegurando a 2ª posição final.

“Foi um fim-de-semana produtivo! Conseguimos evoluir o carro, ainda andamos a tentar melhorar o desempenho do chassis, mas já nos aproximámos mais do nosso principal adversário no campeonato, só que não tivemos sorte com os pneus e furámos por duas vezes, o que acabou por comprometer a nossa aspiração à vitória na final. Vamos tentar até Montalegre melhorar mais alguns componentes de forma a estar com as melhores condições para lutar pela vitória!”, referiu Pedro Matos.

Ana Matos também partiu motivada para Lousada, mas sempre focada na sua principal ambição esta época, de evoluir e melhorar a cada prova. A piloto não teve um fim de semana fácil e apesar de ter começado bem com o melhor tempo nos treinos cronometrados, contou com alguns problemas mecânicos no Mitsubishi Lancer EVO VI a partir da 1ª corrida, onde inclusive não foi possível alinhar na 3ª corrida de qualificação.

Para a final, a piloto debateu-se com problemas de embraiagem, o que a fez perder algum tempo, pois teve que fazer a totalidade da corrida em apenas 3ª velocidade, mas sem nunca baixar os braços, a piloto aproveitou ao máximo o que o EVO lhe permitiu e arrecadou a 3ª vitória consecutiva esta época em 3 provas disputadas.

Com este resultado a piloto está apenas a 1 ponto da liderança da Super Nacional 4WD.

“Este fim-de-semana levámos de Lousada uma vitória com sabor especial! Andámos durante toda a prova a fazer face aos problemas mecânicos que foram surgindo, mas no final o Mitsubishi aguentou as 7 voltas e ofereceu-nos mais esta vitória, o que foi fantástico”, concluiu Ana Matos.

A próxima prova será em Montalegre, no final do mês de Julho.