Rali Vinho Madeira 2017: Joaquim Alves com estreia infeliz, abandona após saída...

Rali Vinho Madeira 2017: Joaquim Alves com estreia infeliz, abandona após saída de estrada

Na 2ª passagem por Ribeiro Frio, a 9ª especial da prova, uma ligeira saída de estrada levou o Ford Fiesta R5 de Joaquim Alves a bater de frente numa pedra no interior de uma curva, obrigando à desistência da equipa.

72

Joaquim Alves - Rali Vinho Madeira 2017Joaquim Alves e Luís Ramalho estavam a assinar uma participação muito positiva na 58ª edição do Rali Vinho da Madeira. A equipa do Ford Fiesta R5, apoiada pela ARC Sport, assinou excelentes evoluções e conquistou até um 5º tempo à geral numa das especiais do rali, fazendo por diversas vezes parte do lote dos dez primeiros classificados da geral. Em estreia absoluta na Madeira, não se podia pedir mais a Joaquim Alves.

No entanto, na 2ª passagem por Ribeiro Frio, a 9ª especial da prova, uma ligeira saída de estrada levou o Ford Fiesta R5 a bater de frente numa pedra no interior de uma curva, obrigando à desistência da equipa.

Apesar de pouco espectacular em termos visuais, o embate foi forte e Joaquim Alves teve de ser imobilizado e transportado ao hospital para realizar exames por precaução, encontrando-se livre de perigo e sem lesões graves. O seu navegador, Luís Ramalho, não teve qualquer problema físico.

A ARC Sport, que estava a acompanhar com regozijo as excelentes evoluções da equipa, lamenta naturalmente o sucedido.

“São coisas que fazem parte dos ralis, embora tenha sido uma pena, pois o Joaquim Alves estava a demonstrar uma excelente adaptação aos pisos da Madeira, logo no seu ano de estreia. Desejo-lhe uma rápida recuperação, sabendo que pode continuar a contar com todo o tipo de apoio da ARC Sport”, disse Augusto Ramiro.