Rali Baião Amarante 2017: João Vieira quer recuperar o máximo de pontos

Rali Baião Amarante 2017: João Vieira quer recuperar o máximo de pontos

Depois do azar no Rallye Serras de Fafe, João Vieira quer recuperar o máximo de pontos para o Campeonato, contando com a preciosa ajuda de Valter Cardoso

202

João Francisco Vieira está de regresso à Taça Nacional de Ralis Terra e estará à partida da edição de 2017 do Rali de Baião – Amarante que irá para a estrada a 5 e 6 de Maio.

A 4ª ronda da época estará a cargo do Clube Automóvel de Amarante (CAA) e será uma prova de motivação extra para o piloto de Amarante, já que irá disputar o rali da sua cidade, percorrendo as especiais míticas desta região bem conhecidas no meio automobilístico.

Depois do azar no Rallye Serras de Fafe, onde a mecânica do seu Peugeot 206 Gti acabou por ditar a desistência na prova de abertura do campeonato, em Baião/Amarante o piloto quer recuperar o máximo de pontos para o Campeonato, contando desta vez com a preciosa ajuda do copiloto Valter Cardoso.

“Apesar dos problemas de caixa de velocidades que nos impediram de terminar o Serras de Fafe, estamos focados em recuperar os pontos necessários a um bom resultado na Taça Nacional de Ralis Terra. Neste rali tenho o prazer de ser navegado pelo experiente conterrâneo Amarantino Valter Cardoso, onde naturalmente por ‘correr em casa’ sentimos alguma pressão extra, mas a determinação mantém-se intacta e vamos dar o nosso melhor para ascender a um bom resultado final, contando também de novo com o nosso Peugeot 206 Gti a 100%”, comentou João Vieira.

A prova em pisos de terra arranca desportivamente na Sexta-feira com a dupla passagem pela Super Especial de Amarante. No Sábado seguem mais duas passagens em Baião, 3 passagens em Marão, terminando a prova com a Super Especial de Baião num total de 264,15 kms.