Rali Amarante Baião 2016: Competisport garante títulos Ralis FPAK

Rali Amarante Baião 2016: Competisport garante títulos Ralis FPAK

A Competisport marcou presença com a dupla Luís Mota e Alexandre Ramos, alinhando com um Mitsubishi EVO VI, uma vez mais equipado com os novos MRF Tyres.

46

Apesar das condições climatéricas difíceis que se abateram no Rali de Amarante Baião, a Competisport fechou mais duas competições com um balanço muito positivo, angariando mais dois títulos na prova a cargo de Clube Automóvel de Amarante que se disputou em piso de terra e encerrou o Campeonato de Ralis FPAK e a Taça de Ralis FPAK Terra.

A Competisport marcou presença com a dupla Luís Mota e Alexandre Ramos, alinhando com um Mitsubishi EVO VI, uma vez mais equipado com os novos MRF Tyres.

Num rali que não foi fácil, a dupla acabou por não entrar bem na prova, já que um ligeiro erro na Super Especial em Amarante fez com que a dupla perdesse algum tempo, mas nada estava perdido pois havia ainda mais 6 especiais no dia seguinte.

No Sábado, os pisos estavam bastante escorregadios, mas a dupla entrou bem na prova e rodou sempre nos lugares do pódio, ascendendo à 3ª posição da geral, para não mais o largar, garantindo assim o 2º lugar na Taça de Ralis FPAK Terra. Com este resultado de Luís Mota, a Competisport amealhou mais dois títulos absolutos, sagrando-se Campeã Ralis FPAK Equipas, vencendo também a Taça de Ralis FPAK Terra equipas.

“O rali começou mal na super especial com um erro que obrigou o Luís Mota a fazer marcha atrás para corrigir, perdendo bastante tempo.
Durante o dia de Sábado estiveram um pouco mais retraídos, pois estavam a perceber como os MRF funcionavam com o piso naquelas condições. E a verdade é que os pneus funcionaram lindamente e puderam defender o 3º lugar na prova. Os pneus tiveram um comportamento fantástico com estas condições, com chuva e lama, e a durabilidade deles tem surpreendido bastante, pois ainda é o mesmo jogo neste carro desde Mortágua, cumprindo o rali todo sem percas de performance!”, salientou André Mota, responsável pela Competisport.