Pirelli Challenge: Álvaro Parente protagoniza recuperação notável em Utah

Pirelli Challenge: Álvaro Parente protagoniza recuperação notável em Utah

Fruto de uma estratégia acertada, que passou por uma rápida paragem nas boxes e no momento certo, quando terminou a fase da troca de pilotos, Álvaro Parente era já sexto.

28

Álvaro Parente - Pirelli Challenge 2017 - Utah - 2ª CorridaÁlvaro Parente voltou a mostrar ser um dos melhores pilotos de GT da actualidade e com uma prestação notável, com ultrapassagens decisivas, levou o McLaren 650S que partilhou com Ben Barnicoat até ao quarto lugar final na segunda corrida da ronda de Utah do Pirelli World Challenge.

Depois do sexto posto na prova de Sábado, o duo do carro #9 arrancou ontem de décimo primeiro, uma posição que prometia dificuldades para ambos os pilotos.

A corrida não começou da melhor forma para o piloto inglês que, no meio do pelotão, perdeu dois lugares, mas nem por isso baixou os braços e até ao final do seu turno recuperou, entregando o McLaren 650S da K-PAX Racing a Álvaro Parente no décimo posto.

Fruto de uma estratégia acertada, que passou por uma rápida paragem nas boxes e no momento certo, quando terminou a fase da troca de pilotos, Álvaro Parente era já sexto.

O piloto oficial da McLaren GT rapidamente evidenciou a sua rapidez, perseguindo os carros que estavam imediatamente à sua frente, acabando duas situações de Safety-Car por o presentear com boas oportunidades para ganhar lugares.

Álvaro Parente não se fez rogado e no primeiro reinício conseguiu ganhar uma posição, voltando a subir um lugar no segundo, sempre com manobras oportunas e decisivas, que lhe permitiram terminar a corrida de sessenta minutos no quarto posto a pressionar o terceiro classificado.

“O fim-de-semana não começou da melhor forma para nós, com algumas dificuldades com o circuito. Mas para a segunda corrida conseguimos adaptar melhor o carro e estivemos mais competitivos. O Ben [Barnicoat] esteve bem no seu turno e eu pude atacar os pilotos que estavam à minha frente graças às situações de Safety-Car. Fiquei muito satisfeito com as decisões tomadas nas ultrapassagens, o que nos levou a um bom resultado, sobretudo se tivermos em conta o lugar que ocupámos na grelha de partida”, afirmou o Campeão em título.

Quando faltam apenas três eventos para o final da temporada, os momentos das decisões estão a chegar e, com os resultados deste fim-de-semana, Álvaro Parente continua na luta pelo ceptro deste ano, que no seu caso é pela revalidação, estando no terceiro posto do Campeonato de Pilotos, a oito pontos do líder, quando estão em jogo vinte e seis por corrida.

“Todos os pontos são importantes nesta fase e, num circuito que não nos favoreceu, foi muito bom assegurar um quarto e um sexto lugares. O título vai ser disputado até à última corrida e agora temos que pensar já na próxima ronda”, frisou o piloto português.

A próxima etapa do Campeonato Americano de Carros de GT disputa-se no Circuit of the Americas, entre os dias 1 e 3 de Setembro, mas entretanto, uma semana antes, nos dias 25 a 27 de Agosto, Álvaro Parente tomará parte na ronda de Hungaroring da Blancpain Sprint Cup.