Nacional Enduro 2016: Campeonato e AgitÁgueda agitam a cidade

Nacional Enduro 2016: Campeonato e AgitÁgueda agitam a cidade

Os primeiros pilotos a iniciar a prova partirão no Domingo às 10 horas da manhã, para uma jornada que se prevê exigente, de acordo os pergaminhos da região.

514

Integrado no programa da 10ª edição do Festival Agitagueda, que anima a cidade da Bairrada durante todo o mês de Julho, o Enduro de Águeda leva este fim-de-semana até ás margens do rio Águeda os melhores pilotos nacionais da especialidade para preencher um paddock que deverá contar com mais de centena e meia de atletas preparados para discutir aquela que será a penúltima prova do campeonato nacional.

Com cerca de meia centena de quilómetros por volta desenhados pela ACTIB (Águeda Action Club) a prova desenrola-se no Domingo – 10 de Julho – nos trilhos e especiais desenhadas para o efeito. Serão, como é hábito, três as especiais cronometradas: Cross-Test, Enduro-Test e Extreme-Test, que terão as seguintes localizações:

Cross-Test: Crossódromo Internacional de Águeda, utilizando o recinto na sua totalidade e parcialmente a pista

Enduro Test: Águeda Centro, junto à Estrada Nacional 1, no campo e junto ao rio, será em terreno maioritariamente plano em terra de cultivo

Extreme Test: Águeda Centro, junto ao Mercado/Paddock e ao rio, com combinação de obstáculos naturais e artificiais sem alternativas obrigatórias

O centro nevrálgico da prova será a baixa da cidade, bem junto ao rio, onde estará o paddock e o ponto de partida e chegada desta que será uma prova importante para as decisões do campeonato nacional, liderado em termos absolutos por Luís Correia, o único piloto que já conseguiu duas vitórias na temporada.

O ribatejano chega a Águeda com 13 pontos de vantagem face a Luís Oliveira, com Gonçalo Reis a ser o terceiro classificado do campeonato. Com 60 pontos ainda em jogo, nada ficará decidido em termos de campeonato, mas poderá ajudar a clarificar posições face aos dois derradeiros confrontos do ano, agendados para a Lousã e Alcanena logo após o final do Verão.

Luís Correia e Luís Oliveira são igualmente os comandantes da geral nas suas classes, mas animada será igualmente a luta pela vitória na classe Open, liderada por André Mouta. Não faltam assim motivos de interesse para acompanhar mais uma etapa do Nacional de Enduro 2016, que está de novo numa das regiões onde a modalidade é mais popular e de onde saíram grandes referências da modalidade, como Jorge Silva ou Rui Lemos, entre muitos outros pilotos da região da Bairrada que marcaram a história da especialidade no nosso país.

Os primeiros pilotos a iniciar a prova receberão ordem de partida no Domingo às 10 horas da manhã, para uma jornada que se prevê exigente, de acordo os pergaminhos da região e também com bastante calor a acompanhar a caravana.