Nacional de Montanha 2017: Antevisão da Rampa de Boticas, por Categoria

Nacional de Montanha 2017: Antevisão da Rampa de Boticas, por Categoria

Organizada pela Demoporto com o apoio da Câmara Municipal de Boticas, a última etapa do Campeonato Nacional de Montanha (CNM), a Rampa de Boticas, reúne uma grande dose de emoção.

36

Campeonato Nacional de MontanhaO Campeonato Nacional de Montanha (CNM) Valvoline 2017 vai ter o seu epílogo no próximo fim-de-semana, altura em que se disputa a Rampa de Boticas, jornada que encerra a competição e vai decidir os títulos ainda em disputa, com especial relevo para o nome do campeão absoluto.

Organizada pela Demoporto com o apoio da Câmara Municipal de Boticas, esta prova reúne uma grande dose de emoção.

Na luta pelo ceptro maior, a que junta ainda o título na Categoria 1, vão estar o actual líder do campeonato, Rui Ramalho em Osella PA2000 Evo2 e Pedro Salvador em Silver Car EF10. Estes dois pilotos têm esgrimido argumentos ao longo do ano e chegam à derradeira prova separados por apenas nove pontos. Rui Ramalho tem vantagem neste duelo, bastando-lhe terminar a prova na segunda posição.

Também presentes estarão Paulo Ramalho em Osella PA21s Evo, que garantiu já o terceiro degrau no pódio final do campeonato, e João Fonseca em BRC CM05 Evo, vencedor do grupo CM. Mais uma vez na luta pelos primeiros lugares na rampa, vão estar Hélder Silva em Juno CN09 e Nuno Guimarães em BRC CM02.

Também tudo em aberto na Categoria 2 e na luta pelo Campeonato dos GT, com José Correia em Nissan GT-R GT3 e Gonçalo Manahu em Porsche 997 GT3 Cup, a chegarem a Boticas separados por apenas 2 pontos, com vantagem para Correia. De salientar ainda a presença nesta prova de Silvino Pires com um competitivo Porsche 997 GT3R.

Na Categoria 3 ainda nada está decidido, mas o favoritismo recai no líder da classificação, Pedro Coelho Saraiva (Mitsubishi Lancer Evo IX), que dispõe de sete pontos de vantagem para João Guimarães (Peugeot 206 RC). Os irmãos Sérgio e Paulo Nogueira, ambos em Citroen Saxo Cup, José Oliveira (Subaru Impreza STi) e o estreante Carlos Pires em (Peugeot 206 RC), completam o lote de inscritos nesta categoria.

Já consagrado com o título na Categoria 4, Manuel Correia e o seu Ford Fiesta R5 deslocam-se a Boticas para tentar fazer o pleno de vitórias e ao mesmo tempo tentar garantir o título nos turismos. Luís Silva em BMW M3, Nuno Pinto em Mazda MX5, Francisco Marrão em SEAT Leon Supercopa, Francisco Morgado em Mitsubishi Lancer Evo IX e Carlos Silva (Peugeot 106), são candidatos aos outros dois lugares do pódio, de uma categoria que recebe nesta prova a inscrição de Luís Delgado em Ford Sierra RS500.

Com os olhos postos na luta pelo título nos turismos, depois de garantir o título na Categoria 5, está Francisco Teixeira. O piloto do Renault Megane Trophy V6 está apenas a sete pontos de Correia. Jorge Meira em Citroen Saxo Cup e Parcídio Summavielle em Peugeot 208 completam o lote inscritos da Categoria 5.

Com tudo decidido em termos de vencedor, a Taça Nacional de Montanha recebe apenas dois inscritos. O vencedor na Rampa Senhora da Graça, Leonel Brás (Citroen AX Sport) e Francisco Leite em Fiat Punto.

O nome do campeão do Campeonato Nacional de Clássicos Montanha 2017 está encontrado, mas nem por isso a emoção deixará de estar arredada desta competição. José Pedro Gomes e o Ford Escort MKI já conquistaram o ceptro em Mondim de Basto e vão querer certamente finalizar o ano com mais um triunfo. Para tentar contrariar estas intenções vão estar Flávio Sainhas e Augusto Vasconcelos, ambos igualmente em Ford Escort MK1.

Tudo ainda em aberto no Troféu Nacional Clássicos de Montanha, com o líder Carlos Oliveira, em BMW 323i, a chegar a esta prova na condição de principal favorito. Ainda com possibilidades de chegar ao título, Fernando Salgueiro em Ford Escort MKII tem mesmo de vencer para poder festejar. Ricardo Loureiro em Ford Escort MKII e Rui Gama em VW ‘Carocha’, completam os inscritos nesta competição.

Na Taça Nacional de Clássicos Montanha 1300, o domínio de Aníbal Rolo (Datsun 1200 Coupé) tem sido avassalador, com o veterano piloto a preparar-se para garantir o título. Também inscritos, Domingos Fernandes em Autobianchi A112 e José Figueiredo em Datsun 1200, decidem entre si os restantes lugares de pódio.

Programa/Horário da Rampa de Boticas 2017

23.9.2017 – Sábado
* 13H30 – Fecho da pista
* 14H30 – 1ª Subida de Treinos
* 15H30 – 2ª Subida de Treinos
* 16H30 – 1ª Subida Oficial

24.9.2017 – Domingo
* 09H30 – Fecho da pista
* 10H00 – Warm Up
* 11H00 – 2ª Subida Oficial
* 12H00 – 3ª Subida Oficial