Mar Sem Fim 2017: João de Macedo vence Bolsa EDP Tour

Mar Sem Fim 2017: João de Macedo vence Bolsa EDP Tour

A excelente prestação de João de Macedo no Nazaré Challenge, o seu regresso ao circuito mundial de ondas Grandes e nomeação para os prémios de ondas grandes a nível mundial foram os critérios que definiram a escolha

39

João de Macedo vence Bolsa EDP Tour. Excelente prestação no Nazaré Challenge, regresso ao circuito mundial de ondas Grandes e nomeação para os prémios de ondas grandes a nível mundial foram os critérios que definiram a escolha.

Bolsa no valor de 2000€ foi entregue durante a festa Back On Tour e será utilizada já como apoio para a primeira etapa do mundial de Ondas Grandes a partir de Maio.

A terceira temporada do projecto EDP Mar Sem Fim chega ao fim com a atribuição da bolsa EDP Tour ao surfista João de Macedo, enquanto apoio para correr o mundial de ondas Grandes em 2017. As Bolsas são um dos pilares do projecto, juntamente com as expedições e prémios de ondas grandes, e foram criadas com o objectivo de apoiar e projectar o surf português de ondas grandes.

Na 1ª temporada (2014/15) foram atribuídas 3 bolsas aos Surfistas António Silva e Ramon Laureano (Bolsa XXL), Ruben Gonzalez (Bolsa Descoberta) e António Rodrigues (Bolsa Nova Geração).

Na 2ª temporada (2015/16) a principal novidade foi a inclusão de uma nova bolsa, exclusiva para o género feminino, aumentando o numero de bolsas para 4 entre os mais de 50 projectos recebidos: Bolsa ‘XXL’ (António Silva e Ramon Laureano – Jet Resgate – Hangar Nazaré); Bolsa ‘TOUR’ (Alex Botelho – Jaws); Bolsa ‘ROOKIE’ (Jácome Correia) ; Bolsa “GIRL” (Joana Andrade).

Para esta 3ª temporada (2016/17) foram definidos novos critérios pela organização, que consistiram, tal como anunciado, nos resultados obtidos na prova Nazaré Challenge (1) e feitos alcançados ao longo do Inverno (2).

João de Macedo foi o destaque em todos os critérios e o vencedor da bolsa EDP Tour no valor de 2000€.

“Acima de tudo, um grande obrigado ao EDP Mar Sem Fim por continuar todos os anos a entregar bolsas aos Surfistas Portugueses; há muita alegria em saber que é possível canalizar recursos para surf de ondas grandes. Depois do Alex Botelho ter vencido esta bolsa no ano passado e ter sido o primeiro português a surfar Jaws, espero com esta bolsa poder continuar a fazer história e inspirar outros surfistas e estarem comigo no Big Wave Tour muito brevemente!”, refere João de Macedo, em declarações.

O valor total da Bolsa (2000€) será um apoio extra para João de Macedo correr novamente o circuito Mundial de Ondas Grandes, para o que se requalificou este ano.

No final de 3 temporadas foram já atribuídas oito bolsas e um valor total de 17.000,00€, contribuindo assim para o desenvolvimento do Surf de Ondas Grandes em Portugal.