Liga NOS: Moreirense vence Estoril e começa a “respirar” melhor

Liga NOS: Moreirense vence Estoril e começa a “respirar” melhor

Aberhoune e Zizo marcaram os 2 golos do jogo e deram a primeira vitória à equipa de Manuel Machado

21

Liga NOSO Moreirense venceu o Estoril, por 2-0, em jogo a contar para a 5ª Jornada da Luga NOS 2017/2018, disputado este Domingo no Estádio António Coimbra da Mota, na Amoreira.

Depois de um mau início de campeonato (derrota no Dragão, por 4-0), os “canarinhos” recuperaram as forças e conseguiram alguns bons resultados, deixando o técnico Pedro Emanuel bastante satisfeito e motivado para este desafio.

Já o Moreirense não apresentou grandes argumentos neste início de época (a derrota no Dragão, por 3-0 foi o pior capítulo), mas com os reforços conseguidos mo fim do Mercado de Verão, há perspectivas de as coisas mudarem de rumo.

De facto, nesta noite o rumo dos acontecimentos mudou, pois quando se esperava um bom jogo do Estoril e uma exibição sofrível do Moreirense, o que aconteceu foi precisamente o contrário.

Com o reforço Tozé (que curiosamente já jogou no Estoril) a ser o “motor” da equipa cónega, os comandados de Manuel Machado empurraram os estorilistas para o seu último reduto, apesar das indicações de Pedro Emanuel, que pedia aos seus jogadores para subirem no terreno.

Aos 34 minutos, o marroquino Aberhoune inaugurou o marcador, para natural satisfação do técnico da formação minhota, que esteve sempre mais calmo que o seu colega de profissão, que no outro banco gesticulava e gritava, dando indicações atrás de indicações.

Ao intervalo, o Moreirense merecia a vantagem, pois o Estoril apesar de algumas boas jogadas nunca conseguiu incomodar verdadeiramente a baliza defendida pelo guardião Jhonatan.

Na segunda parte, a formação da Linha de Cascais tentou partir em busca do empate, mas o Moreirense tinha a lição bem estudada e impediu esse ímpeto inicial dos homens da equipa da casa.

Aos poucos, o Moreirense ia voltando a tomar conta das rédeas do jogo, e aos 75 minutos o egípcio Zizo decidiu acabar com todas as dúvidas quanto ao vencedor, ao apontar o 2º golo dos minhotos.

Manuel Machado sorriu, bebeu água e começou a serenar, enquanto do outro lado Pedro Emanuel começava a ficar resignado com a derrota, que certamente não estava nos planos de nenhum estorilista.

Até ao apito final, não se passou nada de especial, pois o Moreirense recuou e os jogadores do Estoril também já não tinham motivação para ir à procura do empate, já que faltavam apenas 10 minutos para tudo terminar.

Com este resultado, o Moreirense subiu para o 12º lugar, com 5 pontos, enquanto o Estoril está imediatamente acima, com 6 pontos, os mesmos de V. Setúbal e Sp. Braga, que hoje se defrontaram no Bonfim.