Liga NOS: Feirense vence D. Chaves e fica perto do topo da...

Liga NOS: Feirense vence D. Chaves e fica perto do topo da classificação geral

Os "fogaceiros" (que ainda não perderam) têm agora 8 pontos e estão a escassos 2 pontos do duo da liderança, composto por Benfica e Rio Ave

34

Liga NOSO Feirense derrotou o Desportivo de Chaves, por 2-0, em encontro a contar para a 4ª Jornada da Liga NOS 2017/2018, disputado neste Sábado no Estádio Municipal de Chaves.

Depois do empate em Setúbal, que deu o primeiro ponto ao conjunto transmontano, o técnico Luís Castro apostou praticamente na mesma equipa, pois apenas fez duas alterações e uma delas forçada.

O castigado Domingos Duarte ficou de fora das opções, entrando para o seu lugar o estreante Vítor Massaia, enquanto Galvão foi remetido para o banco de suplentes, entrando nas contas João Patrão.

Já na formação de Santa Maria da Feira, Nuno Manta também fez duas alterações em relação ao jogo com o P. Ferreira, já que retirou Barge (lesionado) e Luís Aurtélio, colocando nos seus lugares Kakuba e Edson Farias.

Esperava-se então um encontro muito emotivo e equilibrado, mas o D. Chaves “pegou” no jogo e dominou os primeiros minutos, para natural satisfação dos milhares de adeptos que se deslocaram até ao anfiteatro transmontano.

No entanto, aos 25 minutos, e claramente contra a “corrente” do jogo, o Feirense chegou ao primeiro golo, por intermédio de Flávio Ramos, na sequência de um pontapé de canto, muito bem ganho por Edson Farias.

O golo podia ter abatido os flavienses, mas estes reagiram muito bem e estiveram perto de marcar logo 2 minutos depois, por intermédio de Willian, que viu Caio Secco negar-lhe a festa com uma defesa espantosa.

Até ao intervalo, o jogo foi mais equilibrado e ambas as equipas tiveram oportunidades para modificar o “score”, mas Ricardo e Caio Secco estiveram em grande destaque e mantiveram as suas balizas invioláveis.

No início da segunda metade, e para fazer face à desvantagem, o técnico Luís Castro colocou Bressan e Matheus Pereira (dois jogadores de pendor mais atacante), retirando os mais defensivos Jefferson e Davidson.

Com as alterações, o D, Chaves ficou muito mais perigoso e esteve muito perto de marcar por várias vezes; no entanto, os remates de Bressan, Pedro Tiba e Patrão esbarravam sempre na luvas de Caio Secco.

Aos 60 minutos, Luís Castro esgotou as substituições, com a entrada de Hamdou, e 10 minutos depois, Pedro Tiba teve uma grande oportunidade para fazer o golo do empate, mas o remate do médio saiu ao lado.

Nos últimos 10 minutos, e já com o D. Chaves balanceado para o ataque, o Feirense respondeu em força, com remates perigosos de Peter Etebo (aos 81 minutos) e Tiago Silva (na jogada seguinte).

Finalmente, aos 86 minutos, Luís Machado conseguiu correr pela ala esquerda e servir na perfeição Tiago Silva, que com um toque subtil consegue bater Ricardo, e confirmar a vitória dos “fogaceiros”.

Com este resultado, o Feirense salta para o 5º lugar e fica a 1 escasso ponto de Sporting e FC Porto, embora os dois “grandes” tenham 1 jogo a menos, pois só neste Domingo é que realizam os seus encontros desta ronda.

Já o D. Chaves, cai para o “incómodo” 16º lugar da tabela classificativa e pode terminar a jornada na última posição, se o embate entre o D. Aves e o Boavista terminar empatado e com golos.