Liga NOS: FC Porto vence Sp. Braga e ultrapassa Benfica na classificação...

Liga NOS: FC Porto vence Sp. Braga e ultrapassa Benfica na classificação geral

Os "encarnados" empataram este Sábado com o Rio Ave e vê os rivais portistas ficarem com mais 2 pontos na tabela classificativa

41

Liga NOSNada melhor do que estar numa “pedreira” para desbravar o caminho e nada melhor do que ter Jesus Corona para “partir” os obstáculos e encontrar o caminho para o sucesso, o mesmo é dizer para o golo.

Foi uma entrada muito forte do FC Porto, que marcou 1 golo mas poderia ter marcado muitos mais, embora o Sp. Braga também não merecesse uma “goleada das antigas”, como se costuma dizer.

À passagem da meia-hora, os “azuis-e-brancos” abrandaram o ritmo e deram a iniciativa de jogo ao adversário, que aproveitou os espaços para ensaiar um par de remates à baliza de Iker Casillas.

Ao intervalo, o resultado era justo, mas ainda faltavam mais 45 minutos, onde o Sp. Braga prometia fazer mais e melhor, especialmente nos primeiros minutos, depois de ter entrado na primeira parte muito mal e permissivo.

Na segunda metade, o Sp. Braga tentou reagir, mas de novo foi o FC Porto a entrar muito forte, mas já sem Jesus Corona, que imediatamente antes do período de descanso chocou com um adversário num lance mais ríspido e ficou a queixar-se da cabeça.

Mesmo assim, a formação era a mais forte em campo e nunca deu grandes possibilidades de resposta aos bracarenses, que só as espaços conseguiam chegar à baliza de Iker Casillas.

A partir dos 70 minutos, a resistência bracarense acabou, pois o esforço despendido na passada 5ª Feira frente aos islandeses do FH começou a pesar nas pernas dos “arsenalistas”.

Assim, foram 20 minutos de fraco nível, pois o Sp. Braga não conseguia responder e o FC Porto também mão lhe interessava muito carregar, pois sabia que do outro lado não vinha nenhum perigo.

Uma última nota para destacar o recorde de Iker Casillas, que passou a somar 360 minutos consecutivos sem sofrer golos, algo que o guardião espanhol nunca tinha conseguido na sua longa carreira.

Com este resultado, o FC Porto consegue ultrapassar o Benfica (e também o Rio Ave), mas não consegue chegar à liderança do campeonato, pois tem os mesmos pontos e a mesma diferença de golos que o Sporting, mas tem menos 1 tento marcado.