Liga NOS: Belenenses vence Marítimo e silencia os “velhos do Restelo”

Liga NOS: Belenenses vence Marítimo e silencia os “velhos do Restelo”

Com pouco público presente nas bancadas (o mês de Agosto é sempre o mês com menos audiência), o Belenenses apresentou um futebol mais consistente do que aquele apresentado na ronda inaugural, graças às 4 alterações feitas por Domingos Paciência.

33

Liga NOSO Belenenses derrotou o Marítimo, por 1-0, em encontro a contar para a 2ª Jornada da Liga NOS 2017/2018, disputado este Sábado (dia 12 de Agosto) no Estádio do Restelo, em Lisboa.

Depois da derrota com o Rio Ave, o Belenenses queria estrear-se nas vitórias mas a tarefa não se adivinhava nada fácil, pois teria pela frente mais um candidato aos lugares europeus.

No entanto, os insulares apareceram transfigurados para pior, e parece que o nome D. Kiev (adversário do Marítimo na Liga Europa) já começa a fazer alguma mossa na equipa de Daniel Ramos.

Com pouco público presente nas bancadas (o mês de Agosto é sempre o mês com menos audiência), o Belenenses apresentou um futebol mais consistente do que aquele apresentado na ronda inaugural, graças às 4 alterações feitas por Domingos Paciência.

Com Felipe Chaby e Maurides na frente de ataque, o Belenenses foi crescendo com o passar dos minutos, mas o golo tardava a aparecer e deixava os adeptos “azuis” com um amargo de boca.

Ao intervalo, o nulo castigava a falta de eficácia da equipa da casa, mas premiava as intervenções do guarda-redes brasileiro Charles, que evitou o golo por diversas vezes.

Ma segunda metade, o Belenenses entrou mais agressivo e foi premiado com um golo à passagem do minuto 48, apontado por Nuno Tomás na sequência de um pontapé livre cobrado por Felipe Chaby.

A perder, Daniel Ramos resolveu refrescar o sector atacante, colocando no terreno de jogo Piqueti Silva e Everton Mendonça nos lugares dos “apagados” Bebeto e Ricardo Valente.

A 17 minutos do fim, o pequeno extremo do Marítimo esteve perto de fazer o golo do empate, mas na “cara” de Muriel, permitiu a defesa ao guardião brasileiro dos “azuis”.

Os derradeiros momentos do encontro foram dominados pela formação insular, que não conseguiu o seu grande objectivo para esta deslocação ao Restelo e acaba a 2ª Ronda com os mesmos 3 pontos do antagonista deste Sábado.