Jogo Particular: Sporting vence Mónaco na festa de apresentação do “novo leão”

Jogo Particular: Sporting vence Mónaco na festa de apresentação do “novo leão”

Depois de uma péssima participação no Festival de Futebol dos Alpes (que decorreu na França e na Suíça), os apoiantes do novo "leão" ficaram desiludidos, mas mesmo assim as bancadas do anfiteatro lisboeta receberam mais de 40000 pessoas.

41

SportingO Sporting venceu os franceses do Mónaco, por 2-1, no jogo de apresentação aos sócios, adeptos e simpatizantes leoninos, disputado no Estádio José Alvalade II, em Lisboa.

Depois de uma péssima participação no Festival de Futebol dos Alpes (que decorreu na França e na Suíça), os apoiantes do novo “leão” ficaram desiludidos, mas mesmo assim as bancadas do anfiteatro lisboeta receberam mais de 40000 pessoas.

Como era perfeitamente normal e já esperado, o Sporting sentiu imensas dificuldades para travar o ímpeto inicial do Mónaco, que atacava ferozmente com as suas duas estrelas: Mbappé e Radamel Falcao

Aos 19 minutos, Ronny Lopes dispara de fora da grande área e marca um grande golo, mas cerca de 2 minutos depois, o árbitro Artur Soares Dias anulou o lance e marcou um livre indirecto a favor do Sporting.

Aos 2 treinadores, o 4º árbitro explicou que vídeo-árbitro detectou uma posição irregular (fora-de-jogo) de Kongolo, que não toca na bola mas aproveita a sua posição para importunar Rui Patrício na altura do remate.

Depois do “susto”, o Sporting partiu para uma exibição brilhante e regular, coroada com 2 golos, o primeiro através de Bruno Fernandes (grande exibição, fez esquecer Adrien Silva) e o segundo da autoria de Bas Dost (após pontapé de canto cobrado por Marcos Acuña, outra agradável surpresa).

Na segunda metade, as imensas substituições e ainda alguma falta de ritmo por parte dos jogadores estragaram o espectáculo, mas mesmo assim viu-se algumas jogadas de perigo e um golo.

Em cima do minuto 90, Tobias Figueiredo comete um erro ao fazer um mau atraso para Beto (que substituiu Rui Patrício), que se atrapalha e deixa Guido Carrilo solto de marcação e completamente à vontade para reduzir a diferença.

Os derradeiros momentos foram de alguma apreensão, mas o Mónaco nunca teve oportunidades para empatar e estragar a festa do Sporting, que até ao início da Liga NOS ainda defronta as equipas do V. Guimarães e Fiorentina, a última em jogo a contar para o Troféu 5 Violinos.