Europeu de Estrada 2017: Daniela Reis 22ª entre as melhores do Mundo...

Europeu de Estrada 2017: Daniela Reis 22ª entre as melhores do Mundo na prova de fundo

Daniela Reis demonstrou grande maturidade competitiva e uma evolução considerável face a anteriores participações em grandes eventos internacionais, fazendo toda a corrida no seio do pelotão principal, lado a lado com as melhores corredoras do pelotão mundial.

67

José Poeira e Daniela Reis - Europeu de Estrada 2017A portuguesa Daniela Reis foi hoje a 22ª classificada na prova de fundo do Campeonato da Europa, uma competição de 120,6 quilómetros disputada em Herning (Dinamarca), com vitória da holandesa Marianne Vos, ex-campeã olímpica e mundial.

Daniela Reis demonstrou grande maturidade competitiva e uma evolução considerável face a anteriores participações em grandes eventos internacionais, fazendo toda a corrida no seio do pelotão principal, lado a lado com as melhores corredoras do pelotão mundial.

A corrida foi muito veloz, com uma média de 42,3 km/, muito por responsabilidade dos constantes ataques que procuraram, por todos os meios, partir o pelotão. Uma dessas iniciativas, lançada a cerca de 25 quilómetros da meta, acabou por ter sucesso, embora não para todas as protagonistas.

Das sete fugitivas dessa movimentação, resistiram três, que lutaram pelo título europeu. A mais forte foi a holandesa Marianne Vos, que enriqueceu um currículo que já conta, entre outros sucessos, com três títulos mundiais e um olímpico.

No segundo, com o mesmo tempo da vencedora, colocou-se a italiana Giorgia Bronzini, já vencedora de dois títulos mundiais. A terceira, a 2 segundos, foi a russa Olga Zabelinskaya, medalhada olímpica em Londres e no Rio de Janeiro.

O pelotão chegou a 15 segundos da vencedora, trazendo outros dos grandes nomes do pelotão WorldTour feminino. Daniela Reis tentou bater-se pelo melhor lugar e acabou na 22ª posição, entre 97 participantes.

“Tenho vindo a evoluir um patamar de cada vez e isso hoje ficou novamente patente. Sei que não consigo discutir vitórias ao sprint, mas dei o máximo para chegar o mais à frente possível”, explica Daniela Reis.

A participação nacional no Campeonato da Europa de Estrada termina neste Domingo com a prova de fundo para Elites, uma corrida de 241,2 quilómetros, com início às 10h00 portuguesas. A Equipa Portugal vai alinhar com José Mendes, Rafael Reis e Tiago Machado.

Rúben Guerreiro, que esteve convocado, foi dispensado desta competição para recuperar melhor do problema de saúde que o afectou e para que se apresente na melhor condição possível nas futuras competições ao serviço da equipa Trek-Segafredo.