Eurocup Renault 2016: Henrique Chaves tem um fim-de-semana difícil em Monza

Eurocup Renault 2016: Henrique Chaves tem um fim-de-semana difícil em Monza

Dois acidentes condicionaram as duas primeiras corridas. A terceira prova, realizada hoje, levou o piloto português aos pontos com o 10º lugar.

80

Foi provavelmente o fim-de-semana mais complicado do ano, aquele que Henrique Chaves teve em Monza em mais uma jornada da Eurocup Formula Renault 2.0. Dois acidentes condicionaram as duas primeiras corridas, que culminaram no 16º lugar e um abandono. A terceira prova, realizada hoje, levou o piloto português aos pontos com o 10º lugar.

Na primeira qualificação Henrique não conseguiu melhor que o 12º lugar, depois de uma situação de bandeira vermelha não ter permitido fazer mais uma volta rápida. E apesar de ter partido bem para o primeiro confronto, “e de ter sido cauteloso”, Henrique Chaves acabou por levar um toque de um adversário que condicionou o seu desempenho.

“Cruzei a linha de meta em 16º. Na segunda prova, de novo um toque de um adversário obrigou-me a desistir”, explicou.

Apesar destes resultados Henrique ainda tinha mais uma qualificação e uma corrida para disputar.

“Procurei ao máximo apanhar um cone de ar para fazer um bom tempo, mas não consegui e fiquei com o 11º posto da grelha. Na corrida arranquei bem e estava a recuperar posições. Já estava em oitavo, mas o carro acusou problemas de sobreaquecimento do motor. E o seu desempenho deixou de ser o normal, tornando-se muito difícil de pilotar, escorregando bastante. Ter terminado nos pontos foi bem conseguido, dadas as circunstâncias”, referiu Henrique Chaves.

Três corridas volvidas Chaves espera que na próxima jornada daqui a 2 semanas, em Red Bull Ring, tudo corra melhor.