ETCC 2017: Fábio Mota assegura o 6º lugar na qualificação em Most

ETCC 2017: Fábio Mota assegura o 6º lugar na qualificação em Most

Fábio Mota não teve um início fácil em Most, onde se realiza este fim-de-semana a sexta ronda da Taça Europeia FIA de Carros de Turismo, mas o piloto português está a contraria essa tendência e hoje assegurou o sexto lugar na qualificação.

28

Fábio Mota - ETCC 2017 - Most - QualificaçãoFábio Mota não teve um início de fim-de-semana fácil em Most, onde se realiza este fim-de-semana a sexta ronda da Taça Europeia FIA de Carros de Turismo, mas o piloto português está a contraria essa tendência e hoje assegurou o sexto lugar na qualificação.

O piloto de Vila Nova de Gaia chegava à ronda da República Checa sem nunca ter visto o traçado situado nos arredores da cidade de cerca de setenta mil habitantes, precisando, por isso, de todo o tempo de pista para se ambientar ao exigente traçado do circuito de 4,222 quilómetros e vinte e uma curvas.

No entanto, na sessão de testes oficiais de ontem, em que todos os pilotos tomaram parte, um problema de caixa de velocidades impediu que Fábio Mota realizasse o número de voltas que desejava, vendo-se obrigado a prosseguir o seu processo de adaptação nos treinos-livres e qualificação de hoje.

Na sessão de treinos matinais, o piloto português registou o oitavo crono e, sempre em evolução, na qualificação, conseguiu guindar-se ao sexto posto da grelha de partida, estando envolvido no grupo da frente e que permitiu aos oito primeiros ficaram separados por menos de um segundo.

Após a qualificação, Fábio Mota estava satisfeito, tendo em vista o início de fim-de-semana.

“Ontem tivemos um dia difícil, devido a dificuldades técnicas, o que atrasou todo o nosso programa, que passava por me ambientar a um circuito novo e por afinar bem o carro. Tivemos que fazer tudo isso na sessão de treinos-livres de hoje e na qualificação. Tendo em vista estes factores, penso que o sexto lugar é um bom resultado, havendo ainda margem de progressão”, afirmou o piloto que defende as cores da Lein Racing e tem o apoio técnico da Lema Racing.

O piloto português está determinado para as corridas de amanhã, que marcam o final de temporada, apontando que é necessário evoluir para poder chegar aos resultados que ambiciona.

“Penso que eu posso melhorar ainda a forma como abordo o circuito e o carro poderá também melhorar o seu comportamento; portanto, temos ainda algum trabalho pela frente. Mas acredito que, se conseguirmos estar bem preparados para as corridas de amanhã, poderemos garantir bons resultados e terminar a época em alta. É esse o meu objectivo”, sublinhou Fábio Mota.

A primeira corrida terá o seu início às 9h50 e a segunda às 11h30, podendo ambas ser seguidas em directo através do Eurosport 2 e do website da competição: www.fiaetcc.com.