CN Trial 4×4: Novidades do Regulamento para 2016

CN Trial 4×4: Novidades do Regulamento para 2016

313

Já foi divulgado o Regulamento técnico do CN Trial 4×4 para 2016 e o documento trouxe algumas surpresas. A maior delas foi a inclusão de uma nova classe na competição – Classe TT UTV/Buggy.

São admitidos a participar nesta classe os UTV’s e Buggy’s desde que em conformidade com as normas impostas pelo Código da Estrada. É da responsabilidade dos pilotos o cumprimento destas normas. Haverá uma classificação separadamente para esta Geral Individual para pilotos e navegadores”, pode ler-se no documento disponibilizado na página oficial do CN Trial 4×4 (www.cntrial4x4.com).

As 4 classes da época passada mantém-se, mas com denominações diferentes. Assim, aquela que era a Classe Absoluto em 2015 passará agora a ser apelidada de Classe Extreme. Aqui são incluídas “as viaturas de turismo com um peso total máximo em carga inferior ou igual a 3.500 kg, com ou sem modificações (conforme regulamento técnico), derivados de veículos TT homologados, ou viaturas protótipos, desde que a sua construção seja na base de um chassis em longarinas, ou tubular, de uma carroçaria monobloco, com para-brisas, portas, etc”. A medida máxima permitida dos pneumáticos será até 37” (trinta e sete polegadas) inclusive.

A categoria XL dá lugar à Classe Proto para “viaturas especiais protótipos com um peso total máximo em carga inferior ou igual a 3.500 kg, de dois lugares, desde que a sua construção seja na base de um chassis em longarinas ou na base de uma carroçaria monobloco ou em chassis multitubular ou viaturas de Turismo com modificações/alterações semelhantes, com para-brisas, portas, etc”. A medida máxima permitida dos pneumáticos será até 38” (trinta e oito polegadas) inclusive.

A classe Super Proto e a Classe Promoção mantêm as denominação de 2015, assim como as directrizes impostas na época passada. Outra novidade da nova época será o facto de as equipas poderem escolher o seu número, se assim entenderem.

A atribuição dos números aos concorrentes para a primeira prova/evento será por ordem de entrada dos pedidos de inscrição, ou eventualmente por solicitação do concorrente”. Há contudo uma ressalva: “o número 1 só será atribuído ao Campeão Nacional Absoluto do ano anterior”.

São esperadas mais novidades a 16 de janeiro, no Fórum Cultural de Ermesinde.

PARTILHAR