Bodyboard Girls Experience: Títulos Europeu e Mundial disputam-se na Madeira

Bodyboard Girls Experience: Títulos Europeu e Mundial disputam-se na Madeira

As melhores atletas mundiais de Bodyboard vêm à Pérola do Atlântico para grandes decisões da época.

44

Bodyboard Girls Experience - MadeiraTodos os caminhos do Bodyboard feminino europeu e mundial passam pela Madeira, entre 19 e 24 de Setembro, para a 4ª edição do Bodyboard Girls Experience. As melhores bodyboarders do planeta são esperadas na pérola do Atlântico, mais propriamente na praia da Fajã da Areia, em S. Vicente, para disputar os títulos dos circuitos europeu e mundial.

Entre as 40 atletas já inscritas, destaque para a presença da campeã mundial Isabela Sousa, mas também das portuguesas Joana Schenker, campeã do circuito europeu, e Teresa Almeida, campeã mundial da International Surfing Association (ISA), em 2014.

Este ano, a etapa do Mundial feminino da APB é a grande novidade de um evento que, desde 2013, recebe o circuito europeu da modalidade. É um ‘upgrade’ da vertente competitiva de um Bodyboard Girls Experience que tem, desde a sua génese, a dupla missão de promover a ilha da Madeira enquanto destino turístico de excelência, e divulgar o bodyboard feminino ao mais alto nível.

Carina Carvalho, nove vezes campeã regional da Madeira, fundadora do projecto e representante da entidade organizadora, a ASRAM (Associação de Surf da Região Autónoma da Madeira), manifesta grande optimismo relativamente ao sucesso da 4ª edição do Bodyboard Girls Experience.

“Temos tido excelente feedback da comunidade internacional de bodyboard e da APB [entidade organizadora do circuito mundial profissional]. Por este ser o primeiro ano em que recebemos uma etapa do circuito mundial, e pelo peso que poderá ter na decisão dos títulos mundial e europeu femininos, esperamos receber a elite internacional na Madeira.

Mas, acima de tudo, além da vertente puramente competitiva, prevemos seis dias recheados de ondas de elevada qualidade em vários spots da Madeira, de Norte a Sul da ilha, mas também actividades turísticas e de lazer que suscitem boas vibrações a todas as participantes e que confirmem o enorme potencial turístico e desportivo da ilha neste segmento”.

Joana Schenker, campeã do circuito europeu e quarta classificada no Mundial APB de 2016, é uma das favoritas ao pódio na Madeira, sublinhando a importância da prova que integra o calendário dos dois circuitos mais importantes da sua temporada desportiva.

“O Bodyboard Girls Experience é um evento muito interessante para mim. É a prova mais pontuada do Europeu e, ao mesmo tempo, conta para o Mundial como um duas estrelas, o que permite melhorar o meu 9º lugar na etapa do Chile”.

Também Teresa Almeida, a outra portuguesa em destaque nos circuitos europeu e mundial, reforça a importância estratégica da prova madeirense.

“A Madeira vai ser importante para descartar o mau resultado do Chile [13º lugar] e porque conta para o Europeu e Mundial. Não podemos esquecer que é a prova mais importante do Europeu e, por isso mesmo, a vencedora vai ficar em grande vantagem para o título. Quero fazer um excelente resultado para continuar na luta pelo título europeu e, se possível, subir mais uns degraus no Mundial”.

Sublinhe-se que, embora o Bodyboard Girls Experience decorra entre os dias 19 e 24 de Setembro, a competição concentra-se no fim-de-semana de 23 e 24. Os restantes dias do evento são dedicados a iniciativas de divulgação da modalidade e da Madeira enquanto destino turístico, com aulas de bodyboard das ‘top’ mundiais, encontros com a população local, etc.

O Bodyboard Girls Experience é organizado pela ASRAM (Associação de Surf da Região Autónoma da Madeira) em parceria com o Ludens Clube Machico e conta com os apoios da Secretaria Regional da Economia, Turismo e Cultura, da Associação de Promoção da Madeira, da Direcção Regional da Juventude e do Desporto, da Associação da Madeira de Desporto para todos, dos Municípios de São Vicente, Machico, Porto Moniz e Funchal, tendo como parceiro institucional as Federações Europeia e Portuguesa de Surf e a Associação de Profissionais de Bodyboard.