Benfica vence Belenenses por 2-0 com novo “bis” de Jonas

Benfica vence Belenenses por 2-0 com novo “bis” de Jonas

28

O Benfica venceu, este Sábado, no reduto do Belenenses, por 2-0, em encontro a contar para a 29ª Jornada da Liga NOS 2014/2015, disputado no Estádio do Restelo, em Belém.

Liga NOSSabendo que na próxima semana há um confronto entre “águias” e “dragões”, os comandados de Jorge Jesus entraram em campo dispostos a conseguir uma vitória para continuarem com os 3 pontos de vantagem sobre o rival portista.

Sem Maxi Pereira (castigado) e Salvio (lesionado), Jorge Jesus teve de apostar em André Almeida e Ola John, que não estiveram em plano de destaque, pois este foi inteirinho para Jonas.

O dianteiro brasileiro jogou, fez jogar, e marcou os 2 golos, o primeiro dos quais aos 6 minutos, depois de um “brinde” dos defensores do Belenenses, pois Pelé fez um mau passe, isolou Lima, Ventura ainda defendeu, mas a bola sobrou para Jonas, que sem oposição rematou para o fundo da baliza deserta.

Até ao intervalo, o Belenenses tentou reagir, mas a única coisa que conseguiu foi criar algum perigo a partir dos livres directos de Carlos Martins, ex-jogador do Benfica.

No início da segunda metade, o equilíbrio foi a nota dominante, mas aos 60 minutos, Jonas marcou o 2º golo do Benfica e destroçou toda a estratégia do Belenenses, que não pôde contar com Miguel Rosa (lesionado) e Rui Fonte (que não jogou por «protecção do próprio atleta», pois está emprestado pelo Benfica).

Sem reacção do lado contrário, Jorge Jesus apostou então na rotatividade e retirou os melhores jogadores, guardando-os para o “clássico” com o FC Porto, marcado para o dia 26 de Abril.

Vendo que não tinha capacidade para dar a volta ao resultado, o técnico Jorge Simão também tentou “proteger” os seus atletas para o desafio com o Sp. Braga, mas João Meira viu o cartão amarelo e vai ter de cumprir um jogo de castigo.

O Belenenses perdeu, mas Jorge Simão “ganhou” Carlos Martins (bateu 8 livres directos, todos perigosos), Fábio Sturgeon (que fez uma bela exibição, sobretudo na primeira parte) e Dalcio (que substituiu bem o “ausente” Rui Fonte).

Já Jorge Jesus somou mais uma vitória, colocou pressão no FC Porto, está a um passo de ser bi-campeão nacional e igualou o recorde de Otto Glória, que até agora tinha sido o treinador com mais jogos pelo Benfica no principal campeonato.

A próxima semana pode ser decisiva para Jorge Jesus e para o Benfica, pois em caso de vitória, ficam com 6 pontos de vantagem sobre o FC Porto e com uma “mão e meia” na taça de campeão.

Já o Belenenses, terá que lutar muito para garantir o 6º lugar, pois P. Ferreira e Rio Ave poderão ficar a 1 e a 2 pontos, respectivamente, se conseguirem vencer os seus desafios marcados para este Domingo.

Golos

0-1 Jonas (6 minutos)
0-2 Jonas (60 minutos)

MVP da partida: Jonas (Benfica)

Jornalista: João Miguel Pereira