Baja Proença-Oleiros: Rita Oliveira supera dificuldades e termina em 2º entre as...

Baja Proença-Oleiros: Rita Oliveira supera dificuldades e termina em 2º entre as senhoras

17

Rita Oliveira, acompanhada por Luís Engeitado, terminou com sucesso a sua participação em mais uma jornada do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, a Baja TT Proença-a-Nova/Oleiros/Mação, quinta competição desta temporada. Um problema na correia do variador do seu Polaris RZR 1000 foi o handicap que a viria a condicionar na luta pelo primeiro lugar entre as senhoras.

A dupla da equipa Vangest estava a imprimir um bom ritmo na competição, quando o seu UTV ficou subitamente parado. Rita Oliveira e Luís Engeitado identificaram um problema na correia do variador e a respectiva substituição fez a equipa perder cerca de 25 minutos, tempo que os impediu de alcançar um lugar no top-10 desta prova que se disputou na região beirã.

A prova estava a correr muito bem e tínhamos tudo para conseguir um bom resultado, até que a dada altura o nosso Polaris parou. Percebemos que era a correia e perdemos algum tempo a efectuar a troca. Se não fosse isso e se não houvesse mais nenhum percalço, penso que tinha conseguido conquistar o primeiro lugar entre as senhoras, à semelhança do que aconteceu no ano passado, mas as corridas são assim mesmo, faz parte”, refere Rita Oliveira, que enaltece ainda o trabalho da organização.

Gosto muito desta prova, é mesmo ao meu jeito e, neste caso, acho que estava bem organizada. Perdemo-nos algumas vezes no 1º sector selectivo e a Escuderia foi rectificando as marcações. No geral só posso dizer que o esforço foi grande, muito calor, muito pó, mas com dedicação conseguimos terminar a corrida“.

Rita Oliveira e Luís Engeitado gastaram, no total, 4h16m56s para percorrer 9,62km de prólogo, disputados no primeiro dia, e os dois sectores selectivos de 105,02km e 118,91km respectivamente, disputados na segunda etapa, pelo que terminaram a corrida na 13ª posição e ainda no 2º lugar entre as senhoras.

O Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno terá agora uma pausa de mais de dois meses e regressa a 11 e 12 de Setembro, quando, também sob a égide da Escuderia Castelo Branco, se disputar a Baja TT Idanha-a-Nova.